MMA

A. Nunes enaltece comunicação com agência antidoping para evitar polêmica

Divulgação/UFC
Amanda Nunes e Valentina Shevchenko se enfrentarão no UFC 215 Imagem: Divulgação/UFC

Ag. Fight

05/09/2017 06h00

O UFC 215 acontece neste sábado (9), em Edmonton (Canadá), e tem na revanche entre a brasileira Amanda Nunes e Valentina Shevchenko, válida pelo cinturão dos pesos-galos (61 kg), uma das atrações principais do card. E mesmo diante de sua segunda defesa de cinturão do UFC, a brasileira, no entanto, não se viu isolada da repercussão dos recentes casos de doping que acompanharam sua academia.

Em conversa com jornalistas brasileiros, em Las Vegas (EUA), Amanda comentou os flagras realizados pela USADA (agência americana antidoping) em alguns de seus parceiros de time, como por exemplo, Júnior 'Cigano', Marcos 'Pezão', Gleison 'Tibau' e Amanda Ribas, e ressaltou que toma todos os cuidados possíveis para estar sempre alinhada com a entidade, como forma de evitar qualquer contratempo sobre o assunto.

"Eu não tomo nenhuma suplementação que venha de fora do país", narrou  a campeã do UFC. "Até uma água que eu compro no mercado, se tem algo diferente, eu mando uma mensagem pro Jeff . Também tenho esse contato muito grande com a USADA, então se acontecer alguma coisa, é porque alguém colocou uma coisa na minha bebida e eu não vi ", brincou, antes de pedir mais atenção por parte dos próprios lutadores.

"Os atletas tem que começar a se policiar com essas coisas, porque é muito importante. Você não pode tomar qualquer coisa. Até nas suplementações, o atleta pensa que não tem nada e toma, então tem que estar sempre ligado, em contato com a USADA. Se você não tem esse contato direto vai através do manager, manda o manager ficar ligado e aí é se policiar mesmo com essas coisas", explicou a lutadora, que fará o co-main event do UFC 215.

Na ocasião, Amanda enfrentará Valentina Shevchenko, em revanche da disputa realizada em março de 2016 e que terminou com a brasileira levando a melhor ao final dos três rounds por decisão unânime - apesar da queda de rendimento no terceiro assalto. No entanto, esse reencontro deveria ter acontecido em julho deste ano, quando Amanda se retirou do card alegando que uma sinusite crônica a impedia de se apresentar no dia da luta, o que transferiu o combate da árida cidade de Las Vegas para o úmido município canadense.

"O clima em Las Vegas é bem pesado para mim. E da última vez estava bem quente, eu não conseguia ficar do lado de fora, foi bruto assim. Então, lá em Edmonton o clima é igual ao da Flórida, o vai ser melhor para mim", celebrou a baiana que sempre reclamou da dificuldade de se apresentar no deserto americano.

Depois de adiar a revanche, Amanda contou não parece ter mudado muita coisa em sua preparação. Garantindo o discurso de que está confiante e que, com um camp completo e sem problemas de saúde, nada pode lhe tirar o cinturão, a 'Leoa' promete guerra no octógono.

"Tirei uma semana e meia para descansar, e, assim, eu voltei e continuei o esquema da preparação antiga, teve o tempo que você tem que aumentar o tempo de sparring, dosar no momento certo, tudo isso com o controle. A gente fez tudo igual ao último camp, treinando pra cinco rounds, então vamos pra guerra".

"Com certeza, se essa luta passar do terceiro round, vai para o quinto, então eu vou estar preparada, não tem segredo. Você não vai entrar no cage (octógono, em inglês) sem estar pronta, não existe isso. Então, eu estou preparada pra qualquer coisa, um nocaute, uma finalização, cinco rounds, eu não vou deixar na mão dos juízes", acrescenta a lutadora que tem o histórico de 14 vitórias e quatro derrotas em sua carreira no MMA profissional.

Além de Nunes x Shevchenko, o UFC 215 contará com o duelo americano entre Demetrious Jonhson e Ray Borg pelo cinturão do peso-mosca (57 kg) da organização.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo