MMA

Mayweather garante ter perdido rounds iniciais para McGregor por estratégia

Mark J. Rebilas/Reuters
Imagem: Mark J. Rebilas/Reuters

Ag. Fight

11/09/2017 11h44

 

A superluta de boxe aconteceu há semanas, mas Floyd Mayweather Jr. parece que ainda não esqueceu o confronto do último dia 26 de agosto, em Las Vegas (EUA). Apesar do americano ter nocauteado Conor McGregor no décimo round, no início do combate o irlandês dominou o ringue e para muitos levou a melhore nas três primeiras etapas. Mas, de acordo com o 'Money', essa foi uma estratégia sua.

Com a performance apresentada no começo da luta, o campeão dos leves (70 kg) do UFC conseguiu atingir Mayweather mais vezes do que grandes nomes do boxe que já lutaram com o campeão dos ringues, por exemplo, Manny Pacquiao, Shane Mosley e Miguel Cotto. Mas Money disse que McGregor não pode se deixar levar por essa marca, já que tudo fez parte do plano que ele escolheu seguir no combate.

"Ele chegou a essa marca porque eu não estava contragolpeando e boxeando. A razão pela qual ele, provavelmente, atingiu um percentual alto ou acertou mais socos do que esses caras, foi porque eu estava indo para frente, mal me movia. Eu estava recebendo os socos dele e o cansando. Esse era o meu plano. Eu sabia que ele iria golpear com umas posições estranhas, mas a estratégia era absorver os golpes, acertá-lo com ganchos de esquerda, com diretos de direita e me manter andando para cima dele. Eu poderia ter ido pelo outro lado, o acertar e contragolpear, e provavelmente tê-lo parado. Mas isso não era o que eu queria. Eu queria pressioná-lo e forçá-lo", afirmou o veterano ao site 'MMA Fighting'.

Mayweather era o favorito para a superluta e quis fazer um show para os fãs de todo o mundo que assistiram ao combate. Com o resultado, ele encerrou a sua carreira de forma invicta com 50 vitórias, marca que quebrou o recorde de Rocky Marciano.

"Meu ponto é: não é como você começa, é como você termina. Ele pode vir com golpes rápidos, usar o alcance dele, diferentes ângulos, e depois dos primeiros rounds, ele não é o mesmo lutador de antes... Eu disse que eu seria agressivo, e eu sei que para ir para cima, eu teria algum contato, eu iria acertá-lo com alguns socos, mas eu quis dar aos fãs, e todo mundo uma luta excitante e eu sinto que fizemos isso", comentou o campeão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Ag. Fight
Ag. Fight
EFE
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo