MMA

Cormier revela motivos para pedir que fãs parem de atacar Jon Jones

Sean M. Haffey/Getty Images/AFP
Jon Jones comemora sua vitória sobre Daniel Cormier em luta válida pelo UFC 214 Imagem: Sean M. Haffey/Getty Images/AFP

Ag. Fight

24/09/2017 08h09

Daniel Cormier vem tratando a sua "volta por cima" no Ultimate de forma bastante lúcida. Depois de revelar que quase jogou no lixo o seu cinturão dos meio-pesados (93 kg) após a derrota para Jon Jones, agora DC vem pedindo aos seus fãs que parem de atacar o rival por conta do novo escândalo de doping que 'Bones' se envolveu durante o UFC 214.

Em conversa com o programa 'MMA Hour', Cormier, que teve seu cinturão devolvido após o doping do rival, fez questão de passar uma mensagem clara aos seus fãs: se não gostam de Jon Jones, o deixem em paz e manifestem seu apoio ao próprio Cormier.

"Se você não gosta dele e não gosta do que ele fez, provavelmente ele já ouviu o que você disse. Se você quer mostrar apoio a mim, eu entendo. Mas seja positivo comigo e não necessariamente você tem que pisar em um cara que já está para baixo", afirmou o campeão.

"Eu não sei exatamente pelo que o cara está passando, claro. Mas eu sei que quando m*** acontecem é uma porcaria quando as pessoas ficam em cima de você. Então eu estou meio que deixem isso, sabe? É uma m***. Porque é maluco. Você tem o maior apoio do mundo e alguns que vão 'haha, você chorou na televisão, você é um viadinho. Você é isso e aquilo'. Então eu posso imaginar o tanto de gente que está chamando ele de todas essas coisas e eu só acho que devem dar ao cara algum espaço", completou, se referindo ao fato de ele mesmo ter ido às lágrimas dentro do octógono, após ser nocauteado por Jon Jones no UFC 214.

A atitude de Cormier pode parecer nobre para muitos, mas ele também faz questão de não se colocar como um santo. "Não é algo grande, um grande gesto. É apenas a forma mais simples de emoção humana. Sabe? Compaixão".

Jon Jones deve ser julgado nos próximos meses pelo uso de esteroide anabolizante um dia antes do UFC 214. Bones nocauteou Cormier no terceiro round da luta principal do evento, mas seu cinturão foi retirado e devolvido a DC após o escândalo de doping. A sentença do ex-campeão pode chegar a quatro anos de suspensão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Topo