Topo

MMA

Michael Bisping provoca e afirma ter espiões nos treinos de "GSP"

Hans Gutknecht/Los Angeles Daily News via AP
Bisping celebra após nocautear Luke Rockhold e conquistar cinturão do UFC Imagem: Hans Gutknecht/Los Angeles Daily News via AP

Ag. Fight

28/09/2017 11h30

Michael Bisping vai defender pela segunda vez o seu cinturão no UFC 217 - que acontecerá no próximo dia 4 de novembro, em Nova York (EUA) - e não parece se cansar de provocar o seu desafiante, Georges St. Pierre. O atual campeão da divisão peso-médio (84 kg) afirmou que tem espiões observando os treinos do canadense e que já sabe o que seu adversário prepara para o combate.

Depois de chamar 'GSP' de farsa, o inglês ironizou a falta de ritmo do seu adversário e prometeu fazer uma "luta rápida" - o canadense não luta desde novembro de 2013, quando se aposentou com o título dos meio-médios (77 kg). Com o seu retorno aos octógonos do UFC agendado, o ex-campeão decidiu subir uma divisão e estrear como peso-médio.

"Ele está em Los Angeles por esses dias. Ele tem treinado na Wild Card Boxing, com o Freddie Roach. Eu tenho alguns espiões lá, diga-se de passagem, e eles me deram algumas informações. Georges, se você está ouvindo, amigo, isso é de domínio público. Eu conheço pessoas lá. Sei o que você está trabalhando, parceiro. Sei que você está treinando e isso não vai funcionar em mim, garoto Georges", comentou Bisping.

Bisping manteve o seu título contra Dan Henderson, em outubro de 2016, por decisão unânime dos juízes. Apesar de ter tido sucesso contra o americano, que assim como GSP possui afiado jogo de wrestling, o 'The Count' garantiu que vai mudar a sua tática no seu próximo combate. De acordo com o lutador, ele vai se manter parado na frente do rival até conseguir um nocaute.

"Geralmente, quando eu lutei com wrestlers no passado, eu me mexia muito. Me movia lateralmente, para frente e para trás. Por que se você está se mexendo, é difícil para o wrestler conseguir um double leg, já que você é um alvo ambulante. Bem, eu não vou fazer isso dessa vez. Vou ficar exatamente na frente dele, vou plantar os meus pés no chão, fazê-lo andar para trás e vou nocauteá-lo no primeiro round. Você tem a minha palavra", prometeu o inglês.

Além de Bisping x St. Pierre, Cody Garbrandt lutará para manter o seu título no peso-galo (61 kg) enquanto Joanna Jedrzejczyk defenderá o seu cinturão da categoria peso-palha (52 kg). Stephen Thompson e Jorge Masvidal também vão se enfrentar no card principal do evento.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!