MMA

Werdum aposta em "história" para disputar cinturão caso vença Lewis

Christian Palma/AP
Fabricio Werdum em ação durante luta contra Mark Hunt Imagem: Christian Palma/AP

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

05/10/2017 10h51

Fabrício Werdum não está na melhor fase de sua carreira. Apesar de ocupar a segunda colocação no ranking dos pesos-pesados do UFC, o gaúcho acumula duas derrotas nas últimas três lutas. Mas, apesar da sequência não ser positiva, o ex-campeão acredita que uma boa vitória diante de Derrick Lewis no UFC 216, marcado para este sábado (7), em Las Vegas (EUA), possa ser o suficiente para alçá-lo novamente ao patamar de desafiante ao cinturão de Stipe Miocic.

E a visão de Werdum é muito simples. Em conversa com a Ag. Fight, o brasileiro deixou claro que, se vencer de maneira enfática o seu próximo rival, ele acredita que o seu histórico pode pesar para uma nova disputa de título. Ex-campeão do Ultimate e primeiro atleta a finalizar Fedor Emelianenko, o gaúcho já foi considerado um dos melhores pesos-pesados de todos os tempos.

"Acho que eu mereço por toda a minha história e não só pelo que eu for fazer agora. Tudo o que eu fiz pelo MMA e pelo jiu-jitsu. Luto desde os 20 anos. Mereço pela minha história. Acho que vai depender muito da luta, se for um nocaute ou uma finalização muito boa, eu vou direto. Mas tem o outro lado que o Overeem e o Francis lutarão em dezembro e estão dizendo que eles podem ir para o cinturão. Acho que estão os três na disputa pelo título e vai depender da luta de cada um", analisou o gaúcho.

Mas para pensar em cinturão, primeiramente o brasileiro terá que passar por Derrick Lewis. Dono de uma força incrível, o americano conquistou 16 de suas 18 vitórias por nocaute. Apelidado de " A Besta Negra", o atleta de 32 anos vem de derrota para Mark Hunt em junho deste ano.

"Consigo visualizar um começo com bastante estudo, mantendo a distância. Porque realmente ele tem um soco muito forte e se mexe bem pelo tamanho dele. Mas ele também cansa muito rápido. Acredito em uma finalização no segundo round ou até mesmo no primeiro. Mas uma finalização. Também pode acontecer uma surpresa com um nocaute como aconteceu com o Mark Hunt", analisou Werdum.

O card preliminar do UFC 216 tem previsão de começar às 19h30 (horário de Brasília). As lutas do card principal começam a partir das 23h, e Werdum x Lewis será a antepenúltima peleja da noite.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Na Grade do MMA
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo