MMA

Tony Ferguson finaliza e conquista cinturão interino do UFC

Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Tony Ferguson comemora após finalizar Kevin Lee no UFC 216 Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Ag. Fight

Ag. Fight

08/10/2017 01h57

Luta principal do UFC 216, Tony Ferguson vs Kevin Lee valia o cinturão interino dos pesos (70 kg) do evento. Donos de preparos físicos invejáveis e currículo no wrestling americano, os rivais prometiam um duelo de grandes emoções neste sábado (7), no ginásio T-Mobile Arena, em Las Vegas (EUA). E foi justamente que eles entregaram aos fãs que presentes.

Em um primeiro round mais agressivo do que o esperado, Ferguson não aproveitou as vantagens conquistadas,como um knockdown com um cruzado de esquerda ou os chutes baixos conectados. Afoito, ao ser derrubado ele se equivocou e permitiu que o oponente passasse sua guarda enquanto ele tentava um armlock. A partir dai, Lee montou e terminou o round com a vantagem, punindo com cotoveladas que levantavam a plateia.

Na segunda etapa, menos frenéticos, os atletas optaram por um jogo mais estudado e baseado na contundência e não no volume de golpes. E a melhor desta vez ficou para Ferguson, favorito nas bolsas de apostas, que aproveitou sua melhor envergadura para acertar o rival com jabs precisos ao longo dos cinco minutos disputados, além de defender todas as tentativas de quedas de Lee.

No assalto seguinte, porém, o 'azarão' optou por encurtar a distância desde o início,o que lhe permitiu aplicar erguer o oponente nos ombros e arremessá-lo ao chão ainda nos segundos iniciais. Cena de cinema. Mas a insistência na luta de chão se mostrou um erro diante do faixa-marrom de jiu-jitsu do renomado Eddie Bravo. Depois de um justo armlock, Ferguson liquidou a fatura com um triângulo que quase deixou o adversário desmaiado no tablado.

Sem esconder a felicidade com a conquista, Tony desafiou Conor McGregor, dono do título linear, para uma luta por unificação. "Conor, seu filho da p... estou aqui", gritou, para delírio da plateia.

Confira os resultados do UFC 216:

Tony Ferguson finalizou Kevin Lee no 3º round;
Demetrious Johnson finalizou Ray Borg no 5º round;
Fabrício Werdum finalizou Walt Harris no 1º round;
Mara Romero Borella finalizou Kalindra Faria no 1º round;
Beneil Dariush e Evan Dunham empataram;
Cody Stamann venceu Tom Duquesnoy por decisão dividida;
Bobby Green e Lando Vannata empataram;
Poliana Botelho venceu Pearl Gonzalez por decisão unânime;
Matt Schnell venceu Marco Beltrán por decisão unânime;
John Moraga nocauteou Magomed Bibulatov no 1º round;
Brad Tavares venceu Thales Leites por decisão unânime.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Na Grade do MMA
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Topo