MMA

'Bate-Estaca' critica Joanna e desafia nova campeã para duelo no UFC

Divulgação/Mixer
Jéssica Bate-Estaca se alonga em gravação de programa "Laboratório da Luta" Imagem: Divulgação/Mixer

Ag. Fight

05/11/2017 13h12

A divisão peso-palha feminino (52 kg) tem uma nova campeã. Depois do UFC 217, que aconteceu nesse sábado (4), em Nova York (EUA), Rose Namajunas contrariou as apostas e acabou com o reinado de Joanna Jedrzejczyk na categoria. Com uma nova lutadora em posse do cinturão, Jéssica 'Bate-Estaca' Andrade aproveitou a oportunidade e já fez o seu desafio nas redes sociais. A brasileira postou no Instagram que estava lesionada quando lutou com a polonesa e que merece uma segunda chance de conquistar o título, dessa vez, contra a americana.

Em sua conta oficial, 'Bate-Estaca' pediu aos 'matchmakers' do UFC que esteja na próxima luta que valha o cinturão da categoria. Em maio passado, a brasileira teve a oportunidade de conquistar o título dos palhas, mas foi derrotada por Joanna por decisão unânime dos juízes laterais. Na publicação, a atleta ainda criticou a postura adotada pela polonesa contra Namajunas (veja abaixo ou clique aqui).

"Hoje foi uma noite decisiva para a categoria dos palhas no UFC a invencível Joanna Campeã perdeu sua majestade, encerrando assim um ciclo do reinado.

Parabéns para Rose Namajunas uma grande lutadora, todo meu respeito a ela que suportou toda semana da luta as provocações da Joanna e não perdeu a linha guardou tudo para o momento exato! Assistindo como espectadora hoje me fiz uma pergunta, por que Joanna não lutou comigo da mesma forma que lutou com a Rose?! Ela não se aproximou nem um minuto, e quando se aproximou trocamos muitos socos, mas do 2 round em diante ela apenas conectava golpes fracos e corria, na intenção de marcar pontos apenas.

Enfim quero minha nova chance de disputar o cinturão, dessa vez com a nova campeã Rose Namajunas muitos não sabem e eu também não fiz questão de publicar na mídia por que após a derrota poderia soar como desculpa, sim eu estava lesionada quando disputei o cinturão com a Joanna, me lesionei na semana da luta, e mesmo assim decidi lutar! Talvez tenha sido um erro meu mas eu precisava tentar, eu me recuperei como vocês virão na luta com a Gadelha, e evolui SIM mereço SIM uma nova chance! Eu quero disputar o cinturão e estou aqui pedindo publicamente, aos meus fãs, amigos e todos que acompanham meu trabalho. Me ajudem vamos fazer essa luta acontecer!", escreveu a brasileira na legenda.

A americana se tornou a nova campeã ao nocautear Joanna ainda no primeiro round. Depois de uma semana com muitas provocações da polonesa, Namajunas se mostrou consistente no octógono e foi agressiva para conquistar o cinturão. Foi a primeira derrota de Jedrzejczyk como profissional, o que a fez perder o título depois de dois anos de reinado.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Ag. Fight
Topo