Esporte

Oezdemir ignora possível "espião" e garante que DC sentirá poder de suas mãos

Diego Ribas, em Nova York (EUA)

Ag. Fight

06/11/2017 14h12

O cinturão dos meio-pesados (93 kg) voltou para as mãos de Daniel Cormier depois de mais uma polêmica de doping envolvendo Jon Jones, e o atual campeão já tem um provável próximo desafiante. De acordo com o próprio americano, seu rival deve ser o suíço Volkan Oezdemir, na edição de número 220 do evento, que acontecerá no dia 20 de janeiro, em Boston (EUA). Para este combate, o desafiante não teme ser vítima de espionagem, apesar de possuírem um amigo em comum.

Luke Rockhold é amigo pessoal de 'DC', mas recentemente se mudou para Flórida onde realizou treinos com Volkan. Mas, mesmo envolvido neste triângulo, o atual número cinco do ranking dos meio-pesados do UFC não acredita em uma traição do seu recém companheiro de academia.

"Eu sei que eles são grandes amigos e não posso fazer nada quanto a isso. Se ele quer me espionar, tudo bem, ele pode saber todos os meus segredos e mesmo assim nada vai impedir que sinta o meu poder. Tudo o que ele pode fazer é conhecer todo o poder que eu tenho nas minhas mãos. Então vai acontecer, cedo ou tarde. Eu não acho que o Luke vá falar algo para ele. Eu gosto muito de DC, ele é o verdadeiro campeão, um cara muito legal", garantiu o atleta em conversa com os jornalistas no UFC 217 - que aconteceu nesse sábado (4), em Nova York.

Mesmo com a polêmica do 'caso Jon Jones', o suíço afirmou que esse fato não apaga a carreira de 'DC'. No UFC 214, em julho passado, 'Bones' havia derrotado Cormier pela segunda vez, mas acabou caindo no doping. Com o flagra, a luta passou a ser 'no contest' (sem resultado, em inglês) e o título voltou para as mãos do atual campeão.

"Ele é o campeão, ele é o campeão e não existe nenhuma dúvida quanto a isso. Ele venceu todo mundo na divisão, ele é o campeão. O que aconteceu com Jon Jones, acredito que seja controverso com o doping, mas agora tudo é diferente. Cormier é um dos caras mais difíceis da divisão e também é um dos melhores no ranking peso-por-peso. Então, é incrível para mim ter essa oportunidade", opinou o lutador.

De acordo com o próprio Volkan, o contrato para enfrentar o atual campeão da categoria meio-pesado ainda não foi assinado, mas o confronto está apalavrado por ambas as partes. O atleta ainda assegurou que a iniciativa deste duelo partiu de Cormier.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo