Topo

MMA

Junior "Baby" decepciona e perde para ex-campeão do UFC; Poirier vence

Brandon Magnus/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Brasileiro Junior Baby leva soco de Andrei Arlovski em luta válida pelo UFC Norfolk Imagem: Brandon Magnus/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Ag. Fight

12/11/2017 04h12

Último brasileiro a entrar em ação no octógono do UFC Norfolk neste sábado (11), Junior "Baby" não rendeu o esperado e acabou superado por decisão unânime dos jurados. Apesar de mais jovem e rápido, o aspirante a ídolo não rendeu o esperado diante do veterano Andrei Arlovski e não conseguiu tirar proveito de sua má fase.

Disposto a impor respeito e cansar o rival de quase 40 anos, Baby partiu para cima e atacou com cruzados, aproveitando as oportunidades de infight para clinchar e levar o bielo russo para a grade. No entanto, a tática não surtiu efeito.

No lugar de cansar os braços do veterano, Junior foi quem caiu de rendimento e perdeu a explosão em seus ataques. A partir daí, a experiência falou mais alto e Arlovski levou a melhor nos dois últimos rounds. Com melhor jogo de perna e com golpes de encontro precisos, o ex-campeão dos pesados do UFC voltou a vencer após acumular cinco derrotas seguidas.

Má fase

Três anos atrás, Anthony Pettis era o campeão peso-leve (70 kg) do UFC e um dos nomes de maior visibilidade do MMA. No entanto, após perder o cinturão para Rafael dos Anjos, o "Showtime" nunca mais foi o mesmo e amargou derrotas, mudanças de categoria, falha na balança e insatisfação de seus fãs. E neste sábado, outro capítulo foi escrito.

Com uma estratégia conhecida, Pettis voltou a caminhar para trás e ser "abafado" com pressão constante e sucessivas tentativas de queda. Por três rounds, Dustin Poirier não parou de atacar e trocou de posições no chão seguidamente, o que cansou seu oponente e abriu brechas para que ele conectasse fortes cotoveladas.

Com o passar do tempo, "Showtime" caiu de rendimento, foi castigado e, enquanto o oponente montava no terceiro assalto, pediu para parar alegando uma lesão nas costelas.

Confira os resultados do UFC Norfolk:

Dustin Poirier venceu Anthony Pettis por desistência no 3º round;
Matt Brown nocauteou Diego Sanchez no 1º round;
Andrei Arlovski venceu Júnior 'Baby' Albini por decisão unânime;
Cezar 'Mutante' venceu Nate Marquardt por decisão dividida;
Raphael Assunção nocauteou Matthew Lopez no 3º round;
Clay Guida nocauteou Joe Lauzon no 1ª round;
Marlon Moraes venceu John Dodson por decisão dividida;
Tatiana Suarez venceu Viviane 'Sucuri' por decisão unânime;
Sage Northcutt venceu Michel Quiñones por decisão unânime;
Nina Ansaroff venceu Angela Hill por decisão unânime;
Sean Strickland venceu Court McGee por decisão unânime;
Jake Collier venceu Marcel 'Mãozinha' Fortuna por decisão unânime;
Karl Roberson finalizou Darren Stewart no 1º round.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!