Esporte

Julia Budd vence na decisão dividida e mantém cinturão do Bellator

Ag. Fight

Ag. Fight

02/12/2017 06h49

Embora tenha na brasileira Cris 'Cyborg' a sua campeã e grande nome dos pesos-penas (66 kg), o UFC ainda não montou sua divisão e ranking, o que torna o cenário competitivo de menor atração para os fãs. E atletas de peso na categoria não faltam, como o evento rival Bellator provou nesta sexta (1º).

Realizado em Oklahoma, o show de número 189 da organização contou com a canadense Julia Budd vencendo sua primeira defesa de título como atração principal, em uma revanche que terminou na decisão dividida dos jurados após cinco rounds equilibrados.

Se no começo a campeã impôs seu físico avantajado e pressionou a adversária na grade para atacar com golpes na curta distância, Arlene Blencowe equilibrou nas etapas seguintes e evitou ser clinchada. No entanto, com o desgaste do combate e com o equilíbrio nas papeletas, o último assalto acabou sendo dominado pelo medo de perder, oq eu garantiu monotonia no octógono e vaias da plateia.

Melhor para Budd, que ampliou seu cartel para 11 vitórias e apenas duas derrotas. Curiosamente, os revezes da canadense foram para Ronda Rousey e Amanda Nunes, ídolos do UFC na divisão dos galos (61 kg).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo