Esporte

Charles 'Do Bronx' e Alex 'Cowboy' são nocauteados no card preliminar do UFC 218

Ag. Fight

Ag. Fight

03/12/2017 00h54

Realizado neste sábado (2), o card preliminar do UFC 218 contou com dois brasileiros em ação, e em noite ruim para nossos atletas, nenhum deles saiu com a vitória. Destaque para Charles 'Do Bronx', que encarou Paul Felder na última luta da primeira parte do show e acabou nocauteado no segundo round.

Melhor no início, o paulista derrubou, pegou as costas e deu uma verdadeira blitz de ataques no chão. No entanto, o raçudo americano não se entregou e voltou mais inteiro na etapa seguinte, quando suas cotoveladas no ground and pound fizeram a diferença e terminaram por deixar o brasileiro nocauteado no tablado.

Guerra no octógono

Com muita disposição, Alex 'Cowboy' e Yancy Medeiros promoveram um grande espetáculo desde o início do primeiro round. Com agressividade de sobra, os atletas alternaram knockdowns e ataques consistentes que levantaram a torcida, mas que também cobraram, e muito, de seus físicos.

Se no primeiro round o brasileiro levou ligeira vantagem pela contundência de golpes, o havaiano sobrou na etapa seguinte ao conectar melhor os ataques e sobrar no volume das sequências de socos. No terceiro e último round, porém, o melhor condicionamento de Yancy fez a diferença.

Com diversos golpes no infight, o havaiano colocou o rival na grade e alternou combinações na cabeça e no corpo, deixando o Cowboy sem defesa até que o árbitro interrompesse a disputa mais movimentada e sangrenta da noite até o momento.

Final polêmico

A disputa entre Sabah Homasi e Abdul Razak Alhassan garantiu as atenções do público rapidamente. Em minutos de intensa movimentação, os atletas alternaram golpes em pé e tentativas de finalização no chão. E no geral a vantagem era de Alhassan, que no final dos primeiros cinco minutos imprimia sequência de cruzados que pareciam balançar o oponente.

No entanto, após levar um golpe, Homasi se jogou no chão e tentou uma queda, o que, na visão do árbitro Herb Dean, pareceu que ele não tinha mais condições de combate. Sendo assim, o juiz interrompeu o combate e decretou o nocaute, o que rapidamente arrancou vaias da plateia, inconformada com a paralisação.

"Eu estava machucado, só caí. Já estive em situações piores e continuei. Ele me bateu e eu acabei indo para o chão, mas eu estava bem na luta.Tomei um soco, fui para baixo, mas tentei pegar a perna dele. Posso voltar e lutar de novo. Sou um grande lutador e sou durão. Tomei um soco, caí, mas o juiz tinha que ter deixado eu continuar", narrou o perdedor da luta.

Acompanhe os resultados do UFC 218:

Paul Felder nocauteou Charles 'Do Bronx' no 2º round;
Yancy Medeiros nocauteou Alex 'Cowboy' Oliveira no 3º round;
David Teymur venceu Drakkar Klose por decisão unânime;
Felice Herrig venceu Cortney Casey por decisão dividida;
Amanda Cooper nocauteou Angela Magaña no 2º round;
Abdul Razak Alhassan  nocauteou Sabah Homasi no 1º round;
Dominick Reyes finalizou Jeremy Kimball no 1º round;
Justin Willis nocauteou Allen Crowder no 1º round.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo