MMA

Mulher de Aldo desabafa após derrota e critica "hipocrisia" de brasileiros

Ag. Fight

04/12/2017 11h48

José Aldo foi nocauteado mais uma vez por Max Holloway e perdeu a chance de recuperar o cinturão dos penas (66 kg) na madrugada desse domingo (2), na luta principal do UFC 218, em Detroit (EUA). O resultado repercutiu bastante e também gerou algumas criticas nas redes sociais. Por isso, Vivianne Oliveira, esposa do lutador, também usou a internet para desabafar e sair em defesa do ex-campeão.

"Perder faz parte, cabeça erguida sempre e vamos que a vida continua. Vem logo que sua família está te esperando pra te dar muito amor. Há! E quanto a você hipócrita: percorra o mesmo caminho que ele percorreu e veremos o quão longe você consegue chegar. #prontofalei", escreveu Vivianne em sua conta no Instagram.

Mas não ficou por aí. Poucas horas depois, ela voltou a se manifestar sobre a luta de Aldo. Vivianne republicou um texto feito pelo fisioterapeuta e amigo da família Carlos Shenn. Nele, o desabafo começa dizendo que "às vezes dá vergonha de ser brasileiro" e segue com palavras de incentivo ao lutador e bastante amargura por conta das críticas.

"Hoje vejo críticas desumanas e piadas que doem em minha alma, uma completa ingratidão de um país sem memória. O esporte traz na sua essência a possibilidade de vitória e derrota e você venceu muito. Entretanto nosso povo é extremamente cruel, ingrato e sem memória", diz parte do texto.

Aos 31 anos de idade, José Aldo vive o pior momento de sua carreira. Foram três derrotas nas últimas quatro lutas, e o futuro do brasileiro segue indefinido. O manauara é o maior campeão da história da divisão dos penas no Ultimate e possui um cartel com 26 vitórias e apenas quatro reveses.

 

AS VEZES TENHO VERGONHA EM SER BRASILEIRO . @josealdojunioroficial 10 anos como campeão invicto, por seus próprios méritos. O Brasil nunca lhe ajudou em sua carreira. Não alimentou sua fome e nem lhe forneceu se quer uma luva. Nos deu seu exemplo de superação e ajuda a muitas pessoas carentes. Hoje vejo críticas desumanas e piadas que doem em minha alma, uma completa ingratidão de um país sem memória. O esporte trás na sua essência a possibilidade de vitória e derrota e você venceu muito. Entretanto nosso povo é extremamente cruel, ingrato e sem memória. Obrigado por ser esse exemplo de Brasileiro e mesmo sem ter recebido nada de nosso país, ajuda tanto os menos favorecidos. Esse país não merece você! Mas sei que você é tão forte que não liga para isso. Você é um dos maiores seres humanos que já conheci, um gênio no esporte. Uma alma gigante, que vai utilizar a dor desse momento como crescimento; como sempre fez na sua vida. A Família agradece pelas inúmeras mensagens dos fãs que sempre estiveram na vitória e na derrota. Texto de um amigo @carlosshenn

A post shared by viviannevika (@viviannevika)

 

on

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Na Grade do MMA
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Na Grade do MMA
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo