Topo

Esporte

Daniel Cormier acorda Francis Ngannou em pegadinha: "Fiquei nervoso"

Ag. Fight

Ag. Fight

18/12/2017 10h41

O UFC 220, marcado para o próximo dia 20 de janeiro, em Boston (EUA), irá receber Daniel Cormier e Francis Ngannou em lutas diferentes. O americano terá a missão de defender o seu título dos meio-pesados (93 kg) contra Volkan Oezdemir, enquanto o camaronês fará a primeira disputa de cinturão de sua carreira ao enfrentar Stipe Miocic. Mesmo com a proximidade do evento, 'DC' não perdeu a oportunidade de implicar com o novo desafiante dos pesados no caminho para um encontro com jornalistas.

Em sua conta do Instagram, Cormier mostrou que estava no mesmo veículo que Ngannou. A questão é que o camaronês aproveitava o intervalo para dormir, mas o atual campeão dos meio-pesados tinha outros planos para o trajeto. Isso porque DC aproveitou o momento vulnerável do camaronês e passou a mão no rosto do desafiante dos pesados para acordá-lo (assista abaixo ou clique aqui).

No final do vídeo, o americano disse: "Eles apenas não aprendem. Todos ficam muito relaxados comigo, mas ninguém está seguro". Conhecendo a capacidade incrível que Ngannou tem para nocautear, na legenda da publicação o atual campeão ressaltou que ficou nervoso antes de fazer a brincadeira.

"Acho que a esse ponto todo mundo sabe que não pode dormir perto de mim. Mas temos um cara que dormiu. Assista o vídeo, eu o peguei. Fiquei um pouco nervoso ao fazer isso, Francis Ngannou", escreveu.

Com três nocautes ainda no primeiro round em suas últimas quatro lutas, Ngannou convenceu o UFC de que merecia uma chance de disputar o cinturão com o seu cartel quase impecável como profissional, com apenas uma derrota em suas 12 lutas. O camaronês nunca deixou que os juízes decidissem seus resultados e conquistou suas vitórias antes do último round previsto.

Já o americano reconquistou o cinturão da sua divisão depois que Jon Jones falhou em um exame antidoping em julho passado, no último encontro entre os lutadores. Depois do nocaute sofrido por DC, a luta passou a não ter resultado e a maior organização de MMA do mundo devolveu o posto de campeão dos meio-pesados para Cormier.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte