Topo

Esporte

Romero analisa vitória de GSP sobre Bisping: "Não foi uma surpresa"

Reprodução
Yoel Romero acende charuto com imagem em chamas de de Michael Bisping Imagem: Reprodução

Ag. Fight

25/12/2017 06h00

Georges St-Pierre finalizou Michael Bisping na luta principal do UFC 217, ocorrido no último dia 4 de novembro, em Nova York (EUA), e o resultado pode ter surpreendido alguns fãs que apostavam que o inglês manteria o seu posto de campeão dos médios (84 kg). Contudo, Yoel Romero, número 1 entre os desafiantes, garantiu que sempre soube que o canadense levaria a melhor e mudaria o rumo da categoria.

Em entrevista ao programa 'MMA Hour', o cubano revelou que não considerava Bisping um oponente a altura de 'GSP'. Com isso em mente, Romero garantiu que previa uma vitória do canadense em seu retorno ao octógono, mesmo depois de quatro anos sem realizar uma luta oficial.

"Não estou surpreso, não foi uma surpresa. Sabia que Michael Bisping não teria um bom wrestling e uma boa luta agarrada, sabia que ele não teria nada para St-Pierre. Sabia que St-Pierre acabaria com ele. Com certeza o St-Pierre deixaria o cinturão dos médios vago, porque 84 kg é uma categoria perigosa, muitas pessoas têm qualidades. Aplaudo Georges St-Pierre porque ele é esperto: 'Eu tenho outro cinturão, muito fácil com esse cara. Vou matá-lo e ter um excelente Natal'", assegurou o lutador.

O cubano atuou pela última vez em julho passado, quando foi derrotado pela única vez no octógono em um duelo com Robert Whittaker válido pelo cinturão interino da categoria. Desde a sua estreia no UFC, em 2013, Romero venceu em oito oportunidades.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte