Topo

MMA

Treinador de GSP exalta performances de McGregor e projeta confronto

Getty Images
Imagem: Getty Images

Ag. Fight

27/12/2017 06h00

 

Depois de ficar quatro anos afastado, Georges St-Pierre retornou ao octógono e finalizou Michael Bisping na luta principal do UFC 217, ocorrido em novembro passado, o que lhe proporcionou o cinturão linear dos médios (84 kg). Apesar de ter deixado o seu posto vago para tratar de problemas de saúde, um dos treinadores do canadense já está pensando em quem o seu pupilo poderia enfrentar quando se recuperar. E o candidato da vez seria Conor McGregor.

Para Firas Zahabi, o irlandês seria a melhor opção atualmente. Isso porque o atual campeão dos leves (70 kg) já mostrou do que é capaz ao conquistar dois cinturões do UFC ao mesmo tempo - do peso-leve e do peso-pena (66 kg). Além disso, o treinador de 'GSP' analisou, em entrevista ao site 'Express Sport', que o 'Notorious' tem o "toque da morte".

"Não acho que seja louco. Tenho pedido por essa luta há mais de um ano e meio. Não acho que seja uma luta maluca. Pelo contrário, seria algo brilhante. O Conor McGregor tem dois cinturões, é o campeão em duas categorias. Ele tem o toque da morte em suas mãos. Ele sabe o que está fazendo, é extremamente inteligente e extremamente capaz. Ele é muito perigoso. Não acho que ele teme alguém. Então, acredito que ele e o Georges fariam uma luta fenomenal. Seria a maior luta na história do UFC e na história do MMA. E esse recorde não seria quebrado em dez anos. Por que não?", opinou o treinador do canadense.

McGregor não sobe ao octógono desde que nocauteou Eddie Alvarez, em novembro de 2016. Depois disso, o irlandês desafiou Floyd Mayweather para uma superluta de boxe em agosto passado, mas acabou nocauteado no décimo assalto. Já St-Pierre, deixou o seu posto de campeão linear dos médios vago para tratar de uma úlcera no cólon e ainda não se sabe quando o canadense deve retornar ao UFC.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!