Topo

MMA

Cyborg enaltece vitória após sangrar pela 1ª vez no UFC: "Minhas mãos doem"

Gary A. Vasquez-USA TODAY Sports
Cyborg sangra em luta contra Holm no UFC 219 Imagem: Gary A. Vasquez-USA TODAY Sports

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

31/12/2017 08h02

Quem assistiu ao duelo principal do UFC 219, evento realizado no último sábado (30), em Las Vegas (EUA), percebeu um detalhe interessante. Ao lutar cinco rounds inteiros pela primeira vez na carreira, a brasileira Cris 'Cyborg' travou uma intensa guerra em pé com a ex-campeã mundial de boxe que, diferentemente de suas últimas adversárias, também conectou fortes golpes.

Terceira lutadora a chegar ao final do tempo regulamentar contra a brasileira, Holm mostrou jogo de perna veloz e precisão nos golpes de encontro com a mão esquerda, o que deixou marcar na campeã. Por sinal, essa foi a primeira vez que Cyborg sangrou pelo nariz em suas lutas de MMA. Um feito e tanto.

"Sim, foi a primeira vez . Pensei que era água. Passei a mão e vi que era sangue. Mas não e eu continuei", narrou sorrindo durante coletiva de imprensa realizada logo após a luta, garantindo que não sabe quando poderia voltar a lutar.

"Gostaria de ver minha divisão crescer. Precisamos de garotas de 66 kg. Não sei quando poderia lutar de novo, minhas mãos doem bastante porque a cabeça dela é dura. Não sei se em seis semanas poderei", afirmou, descartando qualquer possibilidade de se apresentar em Belem, em fevereiro.

Como de costume, Cris sobrou no quesito respeito à sua oponente. Elogiando o desempenho de Holm, a brasileira também comemorou o triunfo suado que pode até mesmo motivar novas atletas a enfrentarem a campeã, que agora enfrentou uma rival que não foi nocauteada.

"Acredito que sim, que pode abrir oportunidades para outras meninas quererem lutar. Que vejam e falem: 'Posso vencer ela'. Fico feliz, vou ter adversária para lutar e vou continuar treinando", narrou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!