Topo

Esporte

Faber promete foco de Cody Garbrandt para recuperar cinturão: "Sangue nos olhos"

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

02/01/2018 14h50

A ascensão de Cody Garbrandt no Ultimate foi quase meteórica. Em 2015, o atleta de apenas 26 anos de idade foi contratado pela companhia e, após seis vitórias consecutivas, já seguiu para uma disputa de cinturão contra o temido Dominick Cruz. Com uma atuação impecável, o jovem conquistou o título no último evento de 2016. No entanto, logo em sua primeira defesa 'No Love' foi nocauteado por TJ Dillashaw e perdeu o trono na divisão dos galos (61 kg). Mas quem pensa que o resultado afetou o psicológico do ex-campeão está muito enganado.

Durante uma conversa com jornalistas nos bastidores do UFC 219, evento realizado no último sábado (30) em Las Vegas (EUA), Urijah Faber, líder da equipe Team Alpha Male - academia onde Garbrandt treina - garantiu que o atleta lidou com a derrota da melhor maneira possível. De acordo com o 'California Kid', No Love está focado em se aperfeiçoar nos treinamentos para reconquistar o sonhado título.

"Na cabeça ele ainda é um campeão. Uma vez campeão, você será para sempre campeão. Mas ele definitivamente está com sangue nos olhos. Foi bem legal ver ele logo depois da luta, a forma como ele reagiu. Ele não é o cara mais tranquilo nos treinos quando alguém leva a melhor em cima dele. Então, ver ele lidando com a derrota de forma tranquila foi bem legal e mostrou muito sobre a sua personalidade. Fiquei animado com as coisas que ele disse depois da luta, sobre erguer a cabeça, dar a volta por cima a reconquistar o cinturão", declarou.

Aposentado dos cages desde dezembro de 2016, Faber contou sobre a nova fase que está vivendo e enalteceu o trabalho feito na Team Alpha Male. O California Kid fez questão de exaltar os novos atletas que estão surgindo em sua academia.

"É muito legal ver os caras que estão comigo desde pequenos virando treinadores e se tornando profissionais. É loucura ver o ciclo se fechando. Nós temos tanta gente talentosa ajudando as gerações mais nova e é tudo por causa da paixão por esse esporte", afirmou.

Faber é um dos grandes nomes do MMA mundial, tendo competido no esporte no período de 2003 a 2016. Aos 38 anos de idade, o atleta colecionou na carreira um cartel com 34 vitórias e dez derrotas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte