Esporte

Kevin Lee menospreza desafio de Justin Gaethje: "Dinheiro fácil"

Ag. Fight

Ag. Fight

05/01/2018 07h00

Kevin Lee perdeu a oportunidade de conquistar o cinturão interino dos pesos-leves (70 kg) ao ser derrotado por Tony Ferguson, em outubro passado. Mas mesmo depois de sofrer um triângulo invertido na luta principal do UFC 216, o americano ainda tem atraído os olhares dos seus possíveis adversários, e um dos interessados em enfrentar o 'Motown Phenom' é Justin Gaethje.

O atual número cinco do ranking sofreu a sua primeira derrota da carreira na edição 218 do show, ao enfrentar o ex-campeão da divisão Eddie Alvarez. Em entrevista ao programa 'MMA Hour', Gaethje revelou o seu interesse em enfrentar o número sete dos leves em um duelo que descreveu como épico. Por sua vez, no entanto, Lee afirmou que gostaria que esse combate fosse oficializado, mas não pelo mesmo motivo.

"Se for contra Justin, será um dinheiro fácil. Justin gosta de sofrer danos e eu gosto de causar danos. Seria um bom casamento para mim, mas estou tentando me preocupar com a saúde do Justin. Ele precisa de mais tempo também. O cara apanhou muito nos últimos meses. Não acho que ele queira isso de novo agora. Se ele quiser, que seja. Mas agora, vou usar o meu tempo", provocou o americano, em entrevista ao programa 'MMA Tonight'.

Depois da sua última derrota, Lee garantiu que tem realizado mudanças para que possa reconstruir o seu caminho até o topo. O americano revelou que já trocou membros da sua equipe e o seu empresário. Além disso, o lutador tem trabalhado para mudar o seu estilo dentro do octógono.

"Estou mudando todo o meu estilo. Estou mudando o meu time. Aconteceram muitas coisas, especialmente no final do ano. Infelizmente, precisei fazer mudanças. Mas é um novo ano. Um novo começo. Quando eu voltar, os caras vão ver um novo eu. Ainda sou novo no jogo, tenho muito tempo pela frente. Quero fazer as mudanças necessárias no meu camp. Acabei de mudar o meu empresário também. Serão grandes mudanças e eu acho que muitas pessoas vão se empolgar com isso. Só tenho como ir para cima, independentemente de contra quem eu lutar", explicou o atleta.

Com o seu mais recente resultado negativo, Lee chegou à sua terceira derrota na carreira, que conta ainda com 16 vitórias. Em outubro passado, após acumular nove triunfos em dez apresentações, o americano teve a oportunidade de disputar o cinturão interino da categoria, mas acabou derrotado por Tony Ferguson.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo