Topo

Esporte

Francis Ngannou encara campeão do UFC para coroar história de filme no octógono

Ag. Fight

20/01/2018 06h00

De origem humilde, Francis Ngannou está a um passo de fazer história no MMA mundial. Neste sábado (20), na cidade  de Boston, o peso-pesado camaronês encara Stipe Miocic pelo cinturão do UFC, realidade que parecia impossível para quem, cinco anos atrás, não tinha nem onde dormir. E é esse roteiro de filme que o atleta carrega para o octógono rumo à disputa mais importante de sua carreira.

Depois que deixou Camarões e se mudou para Paris, Ngannou chegou a dormir na rua e em academias até ter a chance de fazer dinheiro competindo. Para isso, ele trocou a paixão pelo boxe pela febre do MMA, esporte em que como apenas 12 apresentações já está abeira do estrelato. Mas, para isso, ele precisa vencer o campeão Miocic.

Dono do soco mais forte da história do MMA, o camaronês tem vantagens físicas sobre o rival. Mais alto, dono de maior envergadura e quase 10 kg de superioridade muscular, caberá a Ngannou o papel de caçador. Por sua vez, Miocic, que também coleciona nocautes no octógono, é mais completo e dono de um arsenal mai vasto.

Veloz para a categoria e com experiência em competições de wrestling e boxe, o campeão ainda carrega a experiência não apenas em longevidade no esporte, mas também em disputas de visibilidade. Enquanto o camaronês fará sua primeira disputa de cinco rounds, Miocic se prepara para sua oitava apresentação nessas condições, sendo quatro delas em lutas valendo cinturão.

Vantagens estas que nem de longe parecem incomodar o camaronês. Afinal, para quem se mudou para a França sem dinheiro e com poucas oportunidades, e hoje vive nos EUA, onde treina e conta com total apoio da estrutura do UFC, a luta deste sábado não chega perto do maior desafio que a vida lhe proporcionou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte