Topo

MMA

Ex-campeão mundial de boxe sugere aposentadoria para Conor McGregor

Las Vegas Sun/Steve Marcus/Reuters
Boxeador Paulie Malignaggi provoca McGregor antes de suerluta Imagem: Las Vegas Sun/Steve Marcus/Reuters

Ag. Fight

24/01/2018 07h00

 

Desde que fez a estreia no boxe em agosto passado e foi nocauteado por Floyd Mayweather Jr., Conor McGregor segue sem data para voltar a pisar tanto no ringue quanto no octógono. E, após o irlandês levar para casa uma verdadeira fortuna depois da superluta, muitos fãs começaram a questionar se McGregor, de fato voltará a competir novamente. E ao menos para um ex-campeão mundial da nobre arte, o dono do cinturão peso-leve (70 kg) do UFC deveria se aposentar agora, e para o seu próprio bem.

Durante uma entrevista ao portal "Fight Hype", Paulie Malignanni, grande rival do irlandês, não poupou críticas ao campeão do UFC e deixou claro que, em sua opinião, McGregor não tem chances de vencer os seus possíveis adversários nem no boxe e nem no MMA.

"O Conor quer lutar, ele é um egocêntrico. Mas o Conor ainda é uma p... de coração. Onde ele está, ele vê o Khabib e o Tony Ferguson e pensa, 'm..., aí vou apanhar'. Qualquer um no boxe fará o mesmo. 'Qualquer porta que eu abrir, vou apanhar'. Todos esperando por você, vão te enfiar a porrada, inclusive eu mesmo. Pacquiao, Oscar também pode sair da aposentadoria para te enfiar a porrada. Khabib te enfiaria a porrada. Ferguson te enfiaria a porrada", declarou, antes de seguir provocando e sugerir uma aposentadoria precoce ao irlandês.

"Lute contra esse desejo de voltar. Lute contra isso, seu m... Você não vai nem sair por cima porque apanhou na sua última luta e apanhou no UFC duas lutas atrás também", afirmou o ex-campeão de boxe que chegou a fazer parte do camp de preparação de Conor para a luta contra Mayweather.

Malignanni competiu boxe profissionalmente durante um período de mais de 15 anos, antes de aposentar dos cages em 2017. No auge da carreira, o americano conquistou o título mundial em duas categorias diferentes.