Topo

MMA

Lutador polonês protagoniza primeiro caso de doping no UFC em 2018

Reprodução
Michal Oleksiejczuk em ação no UFC Imagem: Reprodução

Ag. Fight

Ag. Fight

26/01/2018 18h08

 

O ano de 2018 chegou e, apesar de novo, algumas pendências da temporada 2017 ainda são resolvidas na maior organização de MMA do mundo. Uma delas é a análise dos exames antidoping feitos nos atletas que participaram do UFC 219 - evento que aconteceu no dia 30 de dezembro, em Las Vegas (EUA). E o resultado para Michal Oleksiejczuk não foi nada bom já que, de acordo com comunicado oficial do UFC, o polonês foi informado sobre uma possível falha no teste.

Com isso, o 'Lord' é o primeiro caso público de doping da temporada 2018. De acordo com o próprio UFC, a análise de uma amostra coletada durante período de competição e na edição 219 do show apontaram para uma "potencial violação da Política de Antidoping". O Ultimate ainda explicou que a USADA (agência antidoping americana) irá passar todas as informações levantadas para a Comissão Atlética de Nevada, que será responsável pelo julgamento do atleta. Oleksiejczuk ainda não se manifestou sobre o caso.

O card do UFC 219 marcou a estreia do polonês no octógono, quando ele venceu Khalil Rountree por decisão unânime dos juízes laterais, em duelo válido pela divisão dos meio-pesados (93 kg). Em sua carreira, Oleksiejczuk sofreu dois revezes e e coleciona 13 vitórias, sendo oito delas por nocaute.

Leia o comunicado completo que o UFC disponibilizou em seu site abaixo:

"A organização do UFC foi notificada hoje que a Agência de Antidopagem Americana (USADA) informou Michal Oleksiejczuk sobre uma potencial violação da Política de Antidoping de uma amostra coletada durante um período de competição junto com o material recolhido em sua recente participação no UFC 219, em Las Vegas, Nevada, no dia 30 de dezembro de 2017, contra Khalil Roundtree.

USADA, administrador independente da Política de Antidoping do UFC, irá lidar com os resultados e com o julgamento desse caso envolvendo Oleksiejczuk, que se relaciona com a Política de Antidoping do UFC e futuras participações no UFC. Porque a Comissão Atlética de Nevada foi a entidade regulamentadora que supervisionou a luta em Las Vegas e tem licenciamento de jurisdição por Oleksiejczuk, USADA trabalhará para garantir que a Comissão Atlética de Nevada tenha as informações necessárias para determinar o julgamento de Oleksiejczuk sobre a potencial violação de anti-doping. Informação adicional será fornecida no tempo apropriado conforme o processo avance".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!