Topo

MMA

De olho no cinturão, Jacaré coloca em teste renovação de sua carreira

Frank Franklin II/AP
Imagem: Frank Franklin II/AP

Ag. Fight

27/01/2018 06h00

 

Sem lutar desde abril de 2017, quando foi nocauteado por Robert Whittaker e perdeu a chance de disputar o cinturão dos pesos-médios (84 kg), o brasileiro Ronaldo "Jacaré" terá neste sábado (27) um dos duelos mais importantes de sua carreira. De volta à ativa, o veterano de 38 anos decidiu se reinventar e coloca à prova todas as mudanças que fez de uma só vez.

Depois de lesionar o ombro e ficar afastado para se recuperar da cirurgia, o ex-campeão do Strikeforce se mudou para os EUA com a família e teve apenas três meses de treino intenso com seu novo time. Por isso, as dúvidas sobre sua adaptação aos novos treinamentos colocam em xeque sua preparação para o duelo contra Derek Brunson, na luta principal do UFC Charlotte.

Enquanto isso, embalado por duas vitórias por nocaute no primeiro round, o americano, oitavo do ranking oficial do UFC, esbanja confiança para recepcionar o veterano em seu retorno ao cage. Se em igualdade de condições a disputa prenderia para o brasileiro - que nocauteou Brunson anos atrás no Strikeforce em menos de um minuto -, a atual realidade gera atenção para o embate.

Caso vença, Jacaré, número três da lista, fica de olho na disputa do cinturão interino entre Luke Rockhold e Yoel Romero, que define o próximo adversário do campeão Whittaker. Nesse cenário, o brasileiro, que já foi superado pelos três, corre por fora e ainda precisaria de mais uma luta para chegar à tão sonhada hora de disputar o cinturão. No entanto, em caso de derrota, sua carreira pode ficar estagnada.

Afinal, seriam duas derrotas seguidas, uma queda no ranking, que já conta com três algozes em posições acima das dele, e a proximidade dos 40 anos que colocariam em dúvida o tempo hábil para uma nova caminhada rumo ao topo. Por isso, vale a ressalva, o UFC Charlotte vale muito mais do que parece para Ronaldo Jacaré.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!