Topo

Esporte

Campeão mundial de boxe diz que venceria Mike Tyson no auge

Mike Stobe/Getty Images
Deontay Wilder nocauteia Artur Szpilka em 2016 Imagem: Mike Stobe/Getty Images

Ag. Fight

28/01/2018 10h00

 

Dono do cinturão do Conselho Mundial dos pesos-pesados, o americano Deontay Wilder segue invicto em sua carreira profissional e, com a sua 40ª luta marcada para o próximo dia 3 de março, esbanja confiança. Tanto que, sem pensar duas vezes, o gigante americano garantiu que não teria problemas em vencer Mike Tyson em seu auge.

Ex-campeão dos pesados ma década de 80 e 90, Tyson foi um dos pugilistas mais temidos do mundo. Nocauteador nato, o americano assombrou os rivais, quase sempre mais altos e pesados, com a potência de seus cruzados. Nada, porém, que mude o discurso de Wilolha,

"Tenho que manter isso real. Sei que as pessoas sempre falam sobre velha guarda e tal, mas não tem nenhum lutador, de qualquer tempo, que me venceria. Eu os nocautearia", garantiu em conversa com o site "TMZ Sports" ao ser perguntado sobre Tyson.

Aos 32 anos, Deontay venceu 38 de suas 39 lutas profissionais por nocaute. Medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, o americano encara o cubano, também invicto, Luis Ortiz no próximo dia 3 de março, na cidade de Nova York (EUA).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte