Topo

Esporte

Dana White descarta Nate Diaz como 'tapa buraco' do UFC 222

Ag. Fight

06/02/2018 14h01

Max Holloway estava escalado para fazer sua segunda defesa do cinturão dos penas (66 kg) no UFC 222, marcado para o próximo dia 3 de março, em Las Vegas (EUA), mas uma lesão o tirou do card a um mês do evento. Com isso, a maior organização de MMA do mundo corre contra o tempo para conseguir salvar a luta principal do show. Mas, para Dana White, presidente do Ultimate, um atleta está descartado desde o início.

Uma informação do 'LA Times' dava conta de que o americano estaria "100% interessado" em ser o salvador desse card. No entanto, para o presidente do torneio, esse lutador está fora de cogitação. Em entrevista ao mesmo site, White revelou que o rival de Conor McGregor passou os últimos seis meses recusando as ofertas do UFC.

"Ele não quer lutar. Oferecemos cinco ou seis lutas nos últimos seis meses e ele recusou todas. Alvarez, Gaethje, Barboza e Ferguson várias vezes", garantiu o cartola.

Com a necessidade do UFC em encontrar um novo confronto para ser a atração principal da noite a pouco menos de um mês para o show, alguns lutadores têm se colocado à disposição da organização para "taparem o buraco" da edição 222. Entre eles, Cody Garbrandt, que prometeu dar parte de sua bolsa para TJ Dillashaw, caso o atual campeão dos galos (61 kg) aceite a revanche.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte