Topo

Esporte

Vitor Belfort presta homenagem a vitimas de atentado nos EUA

Ag. Fight

Ag. Fight

15/02/2018 15h49

Nessa quarta-feira (14), uma escola na Flórida foi invadida por um jovem de 19 anos que atirou em dezenas de pessoas - até o momento foram confirmadas 17 mortes, incluindo alunos e funcionários do colégio. Por estar localizada em um município próximo à sede de times como a American Top Team e a Combat Club, muitos atletas se chocaram com o atentado, por estarem familiarizados com o local. Inclusive, Vitor Belfort, que prestou homenagem a todos que sofreram com o tiroteio.

Em sua conta do Instagram, o brasileiro publicou uma foto das pessoas sendo retiradas da escola. Na publicação, Belfort lamentou o ocorrido e pediu que os pais sejam exemplos melhores para os seus filhos. O lutador ainda ressaltou, no comunicado em inglês, que as suas orações estão com os pais de cada criança (veja abaixo ou clique aqui).

"Em tempos como esse, não tem muito que possa ser dito. Mas deveríamos pegar esse momento e olharmos profundamente para nós mesmos e ver o que estamos fazendo para dar um exemplo melhor para nossos filhos. O que estamos fazendo para tornar o mundo melhor? Vamos achar as respostas para essas perguntas e mudar o que precisa ser mudado. Passo por essa escola todos os dias, conheço crianças que estudam lá. Pais que acabaram de perder os seus filhos. Minhas orações vão para que vocês possam encontrar forças para seguir em frente com as suas vidas, de alguma maneira. Que Deus os conforte nesse momento de trevas", escreveu o atleta.

O atirador foi identificado como Nikolas Cruz de 19 anos, ex-aluno da Stoneman Douglas High School. De acordo com as autoridades responsáveis pela investigação, o jovem havia sido expulso por motivos disciplinares e entrou armado no colégio com um rifle. A polícia local também informou que o alarme de incêndio foi acionado antes dos tiros serem disparados.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte