Topo

Esporte

Na pior fase da carreira, BJ Penn garante que pode voltar ao UFC: "Porta está aberta"

Ag. Fight

Ag. Fight

02/03/2018 15h15

Nos últimos anos, BJ Penn tem intercalado algumas lutas com longas pausas em sua carreira. E as atuações mais recentes do americano não foram nada promissoras, já que nas últimas nove vezes que esteve no octógono, o atleta foi derrotado em sete ocasiões. Mas mesmo que não se considere aposentado, o ex-campeão dos pesos-leves (70 kg) garantiu que, ao menos no momento, ainda poderá ser visto de volta ao Ultimate.

Nessa quinta-feira (1º), o americano acompanhou sua amiga Cris 'Cyborg' no treino aberto do UFC 222 - evento marcado para este sábado, em Las Vegas (EUA) - e não descartou que poderia retomar sua carreira a qualquer momento. Durante uma conversa com os jornalistas presentes, Penn revelou que caso surja um confronto que o favoreça, basta entrarem em contato com ele.

"Não tenho nada programado. Estou apenas navegando. Não sei, não sei o que dizer. A porta está sempre aberta. A porta está sempre aberta. Não quero dizer 'nunca', mas não tenho planos para lutar. Mas se você tiver uma ideia do que pode ser bom para mim, me liga", garantiu o ex-campeão dos leves.

Membro da Hall da Fama do UFC, Penn se consagrou campeão das categorias peso-leve (70 kg) e meio-médios (77 kg). Ao perder o cinturão em abril de 2010 para Frankie Edgar, o americano começou uma má fase no UFC, na qual só deixou o octógono vitorioso uma vez em nove atuações. Neste período, o 'Prodígio' também tem um empate, em 2011.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte