Topo

MMA

Brian Ortega faz história e se torna primeiro a nocautear Frankie Edgar

Diego Ribas/Ag. Fight
Brian Ortega nocauteou Frankie Edgar no primeiro round Imagem: Diego Ribas/Ag. Fight

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

04/03/2018 02h19

Escalado para disputar o cinturão dos pesos-penas (66 kg) contra o campeão Max Holloway, Frankie Edgar viu na lesão do havaiano  seu quase corte do show. No entanto, a confirmação do nome de Brian Ortega garantiu sua presença no show deste sábado (3), em Las Vegas (EUA), e levantou a grande pergunta: era chegada a hora do jovem cabeludo medir forças contra os tops da divisão? E a resposta era sim, claro!

Maior, dono de envergadura privilegiada para a divisão e com jabs precisos, o americano incomodou desde o início com golpes na longe e média distância, obrigando ao ex-campeão dos leves (70 kg) a andar para frente a todo o momento e encurtar o espaço que os separavam. E foi aí que o destino sorriu para o faixa-preta de jiu-jitsu.

No primeiro clinche, uma tentativa de guilhotina fez Edgar lembrar que as finalizações do pupilo de Rener Gracie são sua principal arma. Na seguinte aproximação, uma cotovelada de encontro fez o veterano balançar. A partir daí, cruzados, chute alto e um uppercut certeiro deixaram o ex-rival de Aldo estatelado no chão, pela primeira vez na carreira. Tudo isso em menos de cinco minutos.

Aos 27 anos, o americano se credencia como o possível novo nome a desafiar o cinturão do havaino Max Holloway.

Show de raça

Sean O'Malley venceu Andre Soukhamthath com certas sobras. Melhor em pé, a nova sensação do UFC abusou de sua agressividade e colocou em ação diversos chutes rodados que deixaram o rival sem saber o que fazer. Bom, ao menos nos dois primeiros assaltos, quando a disputa quase foi decidida.

No entanto, no terceiro e último round um chute alto quase coloca a invencibilidade de O'Malley no MMA em risco. Com uma lesão no pé direito, o jovem de 23 anos não conseguia mais ficar de pé e contou com a falta de percepção do rival, que insistiu em derrubá-lo e permitiu que a disputa continuasse no chão.

No tablado esperando por uma maca, O'Malley foi anunciado como vencedor e concedeu a a primeira entrevista após conquistar sua décima vitória no MMA. Claro, sob aplausos ensandecidos da plateia, que reconheceu a sua força de vontade e raça.

Acompanhe os resultados do UFC 222:

Brian Ortega nocauteou Frankie Edgar no 1º round;
Sean O'Malley venceu Andre Soukhamthath por decisão unânime;
Andrei Arlovski venceu Stefan Struve por decisão unânime;
Ketlen Vieira venceu Cat Zingano por decisão dividida;
Mackenzie Dern venceu Ashley Yoder por decisão dividida;
Alexander Hernandez nocauteou Beneil Dariush no 1º round;
John Dodson venceu Pedro Munhoz por decisão dividida;
C. B. Dollaway venceu Hector Lombard por desclassificação;
Zak Ottow nocauteou Mike Pyle no 1º round;
Cody Stamann venceu Bryan Caraway por decisão dividida;
Jordan Johnson venceu Adam Milstead por decisão dividida.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!