Topo

Esporte

Mackenzie Dern comemora tranquilidade em estreia: "Era o meu destino"

Ag. Fight

09/03/2018 13h31

Mackenzie Dern venceu Ashley Yoder por decisão divida dos juízes laterais no UFC 222, que aconteceu nesse sábado (3), em Las Vegas (EUA), na sua primeira luta pelo Ultimate. E ao contrário do que acontece normalmente com os lutadores ao estrearem na maior organização de MMA do mundo, a americana - que é filha de brasileiro - garantiu que não se sentiu pressionada com o peso de pisar no octógono pela primeira vez.

Em entrevista ao programa 'MMA Hour', a especialista em jiu-jitsu revelou que a sua primeira atuação pelo Ultimate lhe confirmou que nasceu para lutar MMA. Além disso, Dern garantiu que não conseguia escutar o público e a apresentação feita por Bruce Buffer, porque estava concentrada na sua estratégia e na sua adversária.

"Eu juro que me senti normal. Estava muito relaxada. Nem escutei as pessoas gritando. Senti que Bruce estava falando comigo quando ele disse o meu nome, mas eu estava apenas olhando para Ashley, tentando focar no que precisava fazer. Senti que era o meu destino estar ali. Não me senti nervosa em nenhum momento. Foi ótimo. Sei que cada luta será melhor e isso só me fez ter certeza de que é isso que eu quero fazer. Tomei a decisão certa em largar o jiu-jitsu agora e focar nisso. Estou empolgada para o que vem a seguir", narrou a atleta.

Depois dessa performance, Dern se livrou de um gancho médico. Sem que haja qualquer restrição em seu caminho, a americana faz planos para a sua segunda atuação no Ultimate. A lutadora garantiu que deseja compor o card do UFC 224, em maio, no Rio de Janeiro.

Mais Esporte