Topo

MMA

Grávida de sete meses, ex-campeã do UFC se fere para salvar cão; entenda

Mark J. Rebilas/USA Today
Miesha Tate em ação pelo UFC contra Holly Holm Imagem: Mark J. Rebilas/USA Today

Ag. Fight

19/03/2018 19h58

Ex-campeã dos pesos-galos (61 kg) do UFC, Miesha Tate se aposentou em novembro de 2016. Desde então, a americana se tornou empresária de atletas e se tornou uma das principais porta-vozes do UFC em viagens da organização ao redor de mundo. Isso, claro, até ela anunciar que, devido a sua gravidez, daria um tempo em grande parte de suas atividades. Mesmo assim, sua vida continua agitada.

Através de um curioso relato em suas redes sociais, Miesha narrou que se envolveu em uma briga de cachorros recentemente para defender seu cão. Ele, de nome Skooter, foi atacado um Cane Corso e contou com a defesa da atleta, que mergulhou em uma queda que rapidamente espantou o gigante animal, deixando alguns ferimentos nos envolvidos.

"Isso aconteceu alguns dias atrás. Meu cachorro Skooter e eu saímos para caminhar na vizinhança quando um Cane Corso escapou da sua casa e correu atrás do meu cachorro. Eu pude dizer pelos movimentos e por se pelo arrepiado que não foi uma abordagem amigável. Antes que eu percebesse, o cão estava em cima do Skooter e assim que ele foi morder, eu derrubei o cachorro. Eu afastei ela do meu cachorro e rapidamente segurei o Skooter quando ela fugiu. Não acreditei no que aconteceu, foi tão rápido", narrou a atleta em suas contas em redes sociais.

Depois de averiguar que o pequeno Skooter estava bem, apesar de contar com ferimentos na orelha e cabeça, Miesha se deu conta de que ao mergulhar em um double leg no cachorro no asfalto, acabou ferindo seus próprios joelhos. Nada, porém, que a fizesse se arrepender de, mesmo grávida, arriscar sua integridade física no momento de perigo.

"Depois, parte de mim se sentiu culpada por colocar meu bebê em risco com uma gravidez de sete meses e meio, mas isso foi instinto. Não tive tempo para pensar e estou certa que reagiria da mesma forma diversas vezes. Não teria como ver meu cão ser picado em dois. No entanto, duas coisas me surpreenderam. 1- Ainda posso me mover bem rápido para uma grávida. 2- Ainda tenho um espírito de luta em mim. Não provoque a mamãe ursa!", finalizou

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!