Topo

Esporte

Max Holloway minimiza chance de revanche com Conor McGregor

Ag. Fight

20/03/2018 07h00

Atual campeão peso-pena (66 kg) do UFC, Max Holloway possui uma mancha em seu cartel em 17 agosto de 2013. A data marca o dia em que o ex-campeão Conor McGregor lhe superou por decisão unânime, anos antes de qualquer um dos chegar perto do título da categoria. Atualmente - com Conor destituído do cinturão por inatividade e Holloway encaminhado para enfrentar Brian Ortega -, a situação é diferente para ambos os lutadores e o havaiano sequer considera possível reencontrar o irlandês dentro do octógono.

Enquanto o público aguarda o próximo movimento de Conor - cuja última atuação foi em luta de boxe contra Floyd Mayweather Jr. -, Max Holloway afirma estar desacreditado sobre a possibilidade da revanche acontecer de verdade. Em entrevista concedida ao programa 'The MMA Hour' do portal 'MMA Fighting',  o havaiano analisou que o confronto não passa de uma situação hipotética nos dias de hoje.

"Não vou me meter em algo que é hipotético. Não quero ficar pensando em algo que não vai acontecer. Tenho minha coroa, tenho um cinturão a defender e preciso manter essa divisão dos penas em movimento. Se aquele cara quisesse lutar, eu veria um contrato. O cara diz a Dana o que ele quer fazer e Dana geralmente faz. Se é isso que você quer fazer, que seja. Mas o Ortega é o próximo para mim e estou concentrado nele", explicou.

Mesmo longe do octógono desde novembro de 2016 - quando nocauteou Eddie Alvarez pelo título peso-leve - Conor McGregor ainda provoca Max nas redes sociais, ora contestando o título do havaiano, ora relembrando já tê-lo vencido no passado. Segundo Holloway, toda a provocação não passa de uma forma de gerar manchetes, uma vez que irlandês não parece,na sua visão, motivado para fazer o combate acontecer.

"Esse cara fica me cutucando e me provocando. Quando eu fui responde-lo para me defender, as pessoas disseram que eu estava tentando começar algo. Não estou tentando começar nada, esse cara estava tentando ser um bully comigo o tempo todo. Não faço ideia do porquê ele faz isso, não posso falar por ele. Gostaria que (a revanche) acontecesse. As pessoas gostam de falar. Se eu visse um contrato assinado, eu acreditaria, mas até agora é só conversa furada. Não estou muito preocupado com isso", finalizou o campeão.

Max Holloway vem de duas vitórias por nocaute técnico sobre José Aldo em 2017 e vive uma sequência de 12 vitórias consecutivas. Seu último revés foi exatamente a derrota sofrida para Conor McGregor em 2013. Embora confirmado, seu combate contra Brian Ortega ainda não possui data nem local para acontecer.

Mais Esporte