Topo

Esporte

Dana White elimina chances de superluta entre campeões DJ e TJ

Ag. Fight

Ag. Fight

23/03/2018 10h52

Presidente do UFC, o norte-americano Dana White anulou as chances de uma superluta entre o campeão peso-galo (61 kg) TJ Dillashaw e o campeão peso-mosca (57 kg), Demetrious Johnson. Em entrevista concedida ao jornal 'The Los Angeles Times', o mandatário foi veemente ao afirmar que o casamento entre os dois detentores de cinturão sequer havia sido considerado.

Após o embate entre as campeãs peso-galo (61 kg) Amanda Nunes e peso-pena (66 kg) Cris Cyborg também ser posto de lado, o patrão agora afirmou que Johnson está atualmente lesionado e o confronto não teria como acontecer.

"Nunca foi feito. Além do mais, DJ (Johnson) está machucado e ficará de fora por um tempo. Nós estamos trabalhando (para encontrar um novo desafiante ao título de Dillashaw)", White declarou em mensagem de texto para o periódico.

A superluta simbolizaria a primeira vez em que o atual melhor peso-por-peso do mundo - Demetrious Johnson - tentaria o título de uma segunda categoria após defender o cinturão dos moscas 11 vezes consecutivas. O feito quebrou o recorde do ex-campeão Anderson Silva, que manteve seu título contra dez desafiantes.

TJ Dillashaw vive seu segundo reinado no peso-galo. O californiano se consagrou pela primeira vez em 2014 ao nocautear Renan Barão, o então campeão. Após perder a cinta para Dominick Cruz em 2016, o atleta conseguiu recuperá-lo em novembro de 2017, desta vez nocauteando Cody Garbrandt.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte