Topo

Esporte

Astro de filmes de ação Steven Seagal é acusado de estupro por jovens atrizes

Ag. Fight

24/03/2018 11h50

Dono de uma carreira que se estende por mais de 30 anos, o astro de cinema Steven Seagal foi acusado de abusar sexualmente de atrizes. Artista marcial condecorado, o americano já esteve presente ao lado de ex-campeões do UFC como Anderson Silva e Lyoto Machida para camps de treinamento, mas agora terá de responder múltiplas alegações de crimes sexuais supostamente ocorridos durante as últimas décadas.

Como parte do movimento '#MeToo' - onde mulheres expõem seus casos de abuso sexual - Seagal já recebeu inúmeras acusações diferentes. Em reportagem do jornal 'Washington Post', duas outras - feitas pelas atrizes Regina Simons e Faviola Davis - compartilharam seus depoimentos na última segunda-feira (19).

Segundo Regina, seu relato ocorreu em 1993, quando tinha 18 anos de idade. A artista conta que ainda era virgem quando Seagal a convidou para uma festa em sua casa, mas o ator aguardava-a sozinho quando ela chegou. De acordo com Simons, Steven alegou que a festa já tinha terminado e a levou para o quarto.

"Ele fechou a porta e se aproximou por trás de mim, começou a beijar meu pescoço e tirar minhas roupas. Eu estava em choque. Fui pega de surpresa. Seagal tinha o dobro do meu tamanho e o dobro da minha idade. Eu não era sexualmente ativa e nunca tinha ficado pelada na frente de um homem. Eu congelei. Nada disso foi consensual. Eu não conseguia me mover. Foi como se eu estivesse vendo meu corpo de fora dele. Senti lágrimas descerem pelo meu rosto", narrou.

Conforme depôs a holandesa Faviola Davis, seu encontro com Seagal aconteceu quando tinha 17 anos e conseguiu uma oportunidade para participar de um dos filmes do ator. Ela conta que lhe foi solicitado usar biquíni ou calcinha e sutiã para que pudessem avaliar seu corpo durante o processo de seleção.

"Steven pediu que eu tirasse minhas roupas e eu tirei, apesar de estar nervosa por não ter mais ninguém conosco no quarto (do hotel). Ele pediu que desfilasse para ele. Eu fiz isso e ele disse que gostaria de encenar uma cena romântica comigo para ver se tínhamos química", explicou.

De acordo com a reportagem, Davis afirmou ter recusado a proposta, mas Steven teria a agarrado e lhe apalpado a zona genital por baixo do traje de banho. A atriz alegou ter dado o teste por encerrado e deixado o quarto imediatamente, sem causar quaisquer reações a Seagal.

"Eu berrei que o teste tinha acabado e comecei a juntar minhas coisas. Steven ficou sentado calmamente, como se nada houvesse acontecido. Eu estava visivelmente consternada e aterrorizada pela experiência. O segurança de Steven bloqueou a porta quando tentei sair e só se moveu quando Steven ordenou. Eu saí horrorizada e me sentindo totalmente violentada".

Perante as acusações, Seagal alegou inocência e declarou que mais da metade dos homens denunciados pelo movimento são acusados injustamente. De acordo com o ator - em entrevista ao site Infowars - o recente crescimento de mulheres delatando supostos predadores sexuais trata-se de uma 'caça às bruxas'.

"Isso não é só sobre mim. Centenas de pessoas foram atacadas e falsamente acusadas, na minha opinião. Minha opinião é que 60% dessas pessoas são completamente inocentes e isso me inclui. Na maior parte desses casos, as acusações tem mais de 20, 25 ou 30 anos. Não existem provas e nem testemunhas. Elas estão apenas dizendo coisas e de repente a vida de alguém é arruinada. Quando as pessoas dizem que é uma caça às bruxas, isso é pior que qualquer caça às bruxas que a América já viu. Isso está acabando com o nosso país", concluiu o ator.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte