Topo

MMA

Dana White elogia Khabib e o compara a McGregor por aceitar desafios

Ed Mulholland/AFP
Khabib Nurmagomedov celebra vitória Imagem: Ed Mulholland/AFP

08/04/2018 08h00

Khabib Nurmagomedov venceu Al Iaquinta sem grandes dificuldades na luta principal do UFC 223, evento realizado no último sábado (7) em Nova York (EUA). No entanto, suas maiores dificuldades aconteceram ao longo da semana, quando chegou a trocar de adversários repetidas vezes antes de conhecer seu real oponente. E justamente por, apesar das mudanças, não pensar em deixar o card foi que o russo ganhou ainda mais créditos com o presidente do show.

Durante coletiva de imprensa realizada após o final do evento, Dana White elogiou a postura do russo, agora campeão linear dos pesos-leves (70 kg). De cordo com o cartola, apenas outros dois atletas além dele teriam aceitado permanecer no card depois de tantas alterações.

"Honestamente, acredito que existem três caras nessa empresa que ficariam na luta. Sem dúvidas o Conor McGregor, 'Cowboy' Cerrone e Khabib Nurmagomedov. As coisas que ele passou física e emocionalmente nessa semana... O cara que teve um camp completo aceitar lutar assim... Isso não acontece. Muito respeito ao Al também. Ele não veio por dinheiro, ele veio para vencer", afirmou, antes de falar sobre Conor McGregor.

Depois de invadir o ginásio Barclays Center e atacar um ônibus do UFC que carregava atletas da organização, o atleta irlandês, agora oficialmente não mais campeão dos leves, foi preso e precisou pagar fiança de 50 mil dólares. Com audiência marcada para junho, Conor já parece ter acalmado o patrão.

"Nós conversamos. Estamos bem... Tem muto respeito entre nós. Tenho muitas coisas acontecendo nessa semana. Focar neste show foi insano. Vamos voltar e focar no Conor McGregor", narrou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!