Topo

MMA

Medalhista olímpico que virou lutador de MMA é preso acusado de homicídio

Reprodução
Imagem: Reprodução

Ag. Fight

23/04/2018 06h00

Aos 47 anos, o ex-lutador de MMA e de luta livre olímpica Alexis Vila foi preso no estado americano da Flórida no último dia 17 de abril acusado de homicídio em segundo grau, porte de arma e conspiração. Ainda sob custódia da polícia para investigação do caso, o veterano não teve fiança estipulada e deve aguardar a análise de seu caso atrás das grades.

De acordo com o sistema prisional da cidade de Miami, que permite o acesso aos dados dos casos de cada preso, o cubano Alexis está sob custódia provisória pelo departamento de Imigração e Alfândega, o que pode abrir a possibilidade de extradição do lutador caso ele seja condenado. No entanto, detalhes do caso não foram divulgados pela polícia.

Ex-wrestler olímpico, Vila conquistou dois títulos mundiais na década de 90 e garantiu a medalha de bronze de luta livre olímpica nos Jogos de Atlanta 96, quando competia na categoria até 48 kg. No MMA, com passagens por eventos como Bellator, WSOF e Titan FC, o veterano acumulou cartel com 15 vitórias e sete derrotas.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!