Topo

MMA

Números comprovam atropelo e evolução de Amanda Nunes

Buda Mendes/Zuffa LLC/Getty Images
Brasileira Amanda Nunes venceu americana Pennington e manteve o cinturão do UFC Imagem: Buda Mendes/Zuffa LLC/Getty Images

Ag. Fight

Ag. Fight

14/05/2018 09h00

Campeã peso-galo (61 kg) do UFC, Amanda Nunes sobrou diante de Raquel Pennington no último sábado (12). Agressiva em pé, a baiana impôs seu domínio territorial e castigou a americana desde o início do combate até o quinto e último assalto, quando o nocaute foi decretado pelo árbitro.

Melhor tanto no chão quanto em pé, a 'Leoa' castigou a adversária como pôde a todo momento, garantindo destaque numérico no sites de estatísticas 'Fight Metric', tamanho o seu domínio. Ao todo,foram 124 golpes significativos aplicados contra apenas 64 da oponente.

Com vantagem nos ataques na cabelo, corpo, perna, tanto no clinche, à distância e no chão, a brasileira ainda garantiu efetividade em 75% de suas tentativas de quedas. Por isso, o tamanho do massacre motivou Raquel a pedir para parar, embora seu treinador a tenha convencido a seguir no confronto.

Com esses número em mãos, fica clara a evolução da campeã, principalmente no quesito preparo físico. Antes de disputar o título, a Leoa era conhecida por ser uma atleta explosiva que caía de rendimento no terceiro assalto. Agora, com dois duelos seguidos em que ela disputou até o quinto round, Amanda provou que o assunto ficou no passado.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!