Topo

Esporte

Hall da Fama do UFC enaltece aprendizado em liga independente de telecatch

Ag. Fight

09/06/2018 09h00

O americano Stephan Bonnar seguiu a recente tendência de atletas de MMA ao migrar das artes marciais mistas para o pro-wrestling. O mais famoso caso é o da ex-campeã dos pesos-galos (61 kg) do UFC, Ronda Rousey, que agora é a uma estrela da WWE (maior liga de telecatch do mundo). Ao contrário dela, o membro do Hall da Fama fugiu dos holofotes e atualmente integra um evento independente chamado 'PCW Ultra'.

Bonnar revelou que sente a mesma sensação de aprender algo novo ao comparar sua atual experiência com seus primeiros anos no MMA. De acordo com ele, o pro-wrestling é uma modalidade em que se evolui aos poucos, assim como as artes marciais. Em entrevista ao 'MMA Fighting', o Hall da Fama analisou o fato de não figurar nas maiores ligas de telecatch do mundo.

"Por que, se eu faço pro-wrestling, tem que ser: 'Oh, ou é WWE ou você é um fracasso'. Esta cena alternativa é realmente muito legal e divertida. Os fãs daqui são leais e ótimos". O americano também criticou a forma com a qual as principais ligas de pro-wrestling tratam seus atletas: "Nos principais shows o consenso geral é que soa como se você fosse a p*** de alguém. Você é um ator, você é um peão. Você tem que dizer o que todo mundo quer que você diga. Eu não sei. Não é realmente você", confessou Bonnar.

Sobre seu futuro na modalidade, o membro do Hall da Fama do UFC não quis colocar muitas expectativas, apenas seguir naturalmente seu caminho. "Eu não diria que é uma carreira, isso e aquilo. É como o MMA. Eu nunca disse: 'Eu vou estar no UFC e ser um lutador de MMA.' É como, uau, isso é divertido, eu gosto disso. Eu quero ficar melhor nisso. É exatamente a mesma atitude", narrou Stephan.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte