Topo

Esporte

Lutadoras do UFC marcam presença na Parada do Orgulho LGBT, em Nova York

Ag. Fight

26/06/2018 12h34

Realizada no último domingo (24), a Parada do Orgulho LGBT 2018 reuniu milhares de pessoas pelas ruas da cidade de Nova York (EUA), e não deixou de atrair personalidades do mundo das lutas. Dentre elas, as atletas do peso-palha (52 kg) do UFC Tecia Torres e Nina Ansaroff fizeram questão de registrar sua participação no ato.

A marcha, como também é conhecida, é um ato anual que relembra a busca por igualdade de direitos da comunidade LGBT. E, justamente por serem pessoas públicas, Tecia e Nina, que se apresentam no dia 28 de julho contra Joanna Jedrzejczyk e Randa Markos, respectivamente, compartilharam imagens com seus fãs e seguidores em redes sociais (veja abaixo ou clique aqui).

Atual número cinco do ranking oficial do UFC, Tecia perdeu sua última luta diante da brasileira Jéssica 'Bate-Estaca'. Por sua vez, Nina, número 13 da seleta lista, vem embalada por duas vitórias seguidas no octógono mais famoso do mundo.

Ex-parceiras de treinos na equipe America Top Team, as inseparáveis amigas passaram por momento curioso no mês de maio. Por conta do duelo válido pelo cinturão dos pesos-galos (61 kg) entre Amanda Nunes, namorada de Nina, e Raquel Pennington, noiva de Tecia, as atletas ficaram em lados opostos do octógono.

Na ocasião, Amanda nocauteou a adversária no quinto assalto e manteve o cinturão dos galos no main event do UFC Rio, card realizado no dia 12 de maio.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte