Topo

MMA

Kamaru Usman 'repete a receita' e castiga Rafael dos Anjos por cinco rounds

Matthew Stockman/Getty Images
Imagem: Matthew Stockman/Getty Images

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

01/12/2018 04h07

A luta principal do TUF Final 28 colocou frente a frente dois top 5 do ranking oficial do UFC, o que garantiria automaticamente ao vencedor uma posição de vantagem rumo ao cinturão do UFC. E em um duelo disputado, o meio-médio (77 kg) nigeriano aproveitou o tamanho reduzido do octógono usado nas finais do reality show do evento para pressionar Rafael dos Anjos e lançar mão de seu afiado jogo de wrestling.

A tática fez lembrar justamente da última apresentação do brasileiro, quando, em junho, foi superado por pontos por Colby Covington, ou quando, anos atrás, sucumbiu diante a pressão de Khabib Nurmagomedov. Desta forma, Kamaru se sobressaiu fisicamente e venceu os cinco rounds, impondo um verdadeiro castigo ao ex-campeão dos leves (70 kg).

Ao final dos três assaltos, um dos juízes chegou a marcar 50 x 43, sinalizando o tamanho do domínio imposto pelo nigeriano, que pediu por uma chance de disputar o cinturão do evento. Aos 31 anos, Usman coleciona cartel com 14 vitórias e apenas uma derrota como profissional de MMA.

A luta

No primeiro assalto, Kamaru andou para frente o tempo todo, clinchou e, junto à grade, minou o gás do brasileiro com golpes no 'infight' antes de derrubar e trabalhar no ground and pound. Nesta etapa, Dos Anjos conectou apenas uma forte pedalada, o que não serviu para reverter o placar.

No round seguinte, o nigeriano voltou mais agressivo em pé e proporcionou momentos de luta franca, onde embora tenha acertado mais, também sofreu com os cruzados e joelhadas do brasileiro. No chão, em uma das vezes que foi derrubado, RDA trabalhou uma kimura da guarda que obrigou o oponente a dar uma cambalhota para se defender. Mesmo assim, o ritmo e volume de golpes voltou a garantir nova vantagem a Usman.

O terceiro e quarto assaltos ocorreram basicamente com o mesmo roteiro. Mais potente, Kamaru levava o brasileiro para as grades e trocava golpes francos. Quando era acertado, voltava a quedar e pressionar com o jogo de ground and pound, diante de um incansável rival, que sempre encontrava brechas para levantar e voltar o combate para a luta em pé.

Mais cansado, Rafael não teve muitas ferramentas para se defender no quinto e último round. Com o jogo de pernas minado, o brasileiro foi dominado no cage e derrubado pelo oponente algumas vezes, para delírio da torcida, que a essa altura delirava com o vigor físico do wrestler. Vitória por decisão unânime!

Acompanhe os resultados do TUF Finale 28:

Kamaru Usman venceu Rafael dos Anjos por decisão unânime;
Juan Francisco Dieppa finalizou  Justin Frazier no 1º round;
Macy Chiasson finalizou Pannie Kianzad no 2º round;
Pedro Munhoznocauteou Bryan Caraway no 1º round;
Edmen Shahbazyan venceu Darren Stewart por decisão dividida;
Antonina Shevchenko venceu Ji Yeon Kim por decisão unânime;
Kevin Aguilar venceu Rick Glenn por decisão unânime;
Joseph Benavidez nocauteou Alex Perez no 1º round;
Maurice Greene finalizou Michel Batista no 1º round;
Leah Letson venceu Julija Stoliarenko por decisão dividida;
Roosevelt Roberts finalizou Darrell Horcher no 1º round;
Tim Means nocauteou Ricky Rainey no 1º round;
Raoni Barcelos finalizou Chris Gutierrez no 2º round.