Topo

MMA


Jon Jones afirma que pretende lutar três vezes em 2019

Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Jon Jones recebe cinturão do UFC após vitória contra Alexander Gustafsson Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Ag. Fight

03/01/2019 09h35

Jon Jones é conhecido, além do talento incontestável, pelas confusões em que se envolve fora dos octógonos. No entanto, após seu retorno ao UFC no último sábado (29), o americano parece mesmo estar disposto a mudar essa situação. Ao menos em suas palavras, o campeão dos meio-pesados (93 kg) almeja abandonar o fardo de lutador polêmico que carrega há anos.

Por meio de suas redes sociais, 'Bones' escreveu um longo texto acompanhado de um registro de sua família. O atleta fez uma reflexão sobre a vida e comparou seu momento atual com a época em que se envolveu em diversas polêmicas. Com maior foco na carreira, Jones disse que pretende lutar três vezes ao longo da temporada de 2019.

"Quero lutar três vezes este ano para não deixar dúvidas sobre minha dominância como campeão. Eu vou fazer isso porque é isso que minha paixão determina, mas também é o que os fãs merecem. Vocês estiveram comigo por toda a parte, e 2019 será incrível", projetou Jon, em parte de seu texto reflexivo.

Jones retornou ao Ultimate após um ano e meio afastado, ao derrotar Alexander Gustafsson pela segunda vez na carreira - já havia superado o sueco também em setembro de 2013 - para reconquistar o título dos meio-pesados. Após o triunfo, 'Bones' provocou seu maior rival, Daniel Cormier, e o desafiou para uma trilogia na divisão até 93 kg.

Confira abaixo o pronunciamento completo de Jon Jones:

"Quando as marés mudam sua vida, você não apenas toma conhecimento, mas segue o caminho em que o momento está levando você. Minha família e eu viemos a Santa Monica depois da luta para relaxar, desligar e focar naquelas coisas bonitas que são mais importantes na minha vida. Eu também comi muito bolo de chocolate, mas não peguem no meu pé, porque eu mereci essa m***! Mas na real, nos últimos dias algo profundo se registrou em mim. No meu coração e mente houve uma mudança, além de uma fome que não para de crescer. No passado eu lutava e depois fechava tudo enquanto enchia minha agenda de festas e badalação sem sentido, mas depois de recuperar meu cinturão, a única coisa que quero fazer é voltar para lá. Quero voltar para o octógono e continuar a provar por que sou o melhor meio-pesado (93 kg) do mundo. Estou indo para casa hoje à noite e volto para a academia para continuar melhorando minhas habilidades. Eu vou ficar com a minha equipe e manter o jogo cerebral rolando também. Estou planejando o ano que está por vir e vou arrasar em 2019. Quero lutar 3 vezes este ano para não deixar dúvidas sobre minha dominância como campeão. Eu vou fazer isso porque é isso que minha paixão determina, mas também é o que os fãs merecem. Vocês estiveram comigo por toda a parte, e 2019 será incrível. Tudo é devido ao fato de eu saber o que importa e por quê. Então, para aqueles lutadores da minha divisão, vão em frente, façam uma fila porque todos vão ter o que querem. O rei voltou e ninguém está dormindo fácil além de mim, que estou de volta. Mesma coroa, mesmo reinado, novos rostos, mais dor. Isso é o que eu estou trazendo em 2019".