Topo

Esporte


Voltou com fome! Cain Velasquez mira cinturão dos pesados após luta contra Ngannou

Ag. Fight

2019-01-10T10:40:52

10/01/2019 10h40

Cain Velasquez não luta profissionalmente desde julho de 2016. No entanto, apesar do longo período afastado - principalmente por conta de lesões -, o ex-campeão dos pesos-pesados do UFC tem grandes planos para a temporada. Durante participação no programa 'Ariel Helwani's MMA Show' dessa segunda-feira (7), o americano mirou disputar o cinturão do Ultimate, caso vença Francis Ngannou em seu retorno à organização, no dia 17 de fevereiro.

E o desejo de Cain pode vir a se tornar realidade, afinal de contas, ele é considerado um dos maiores atletas de sua divisão na história do MMA. Sem contar que, logo em seu retorno ao esporte, medirá forças com um dos lutadores mais temidos da atualidade e atual número 3 do ranking dos pesados.

"Veremos como a luta (com Francis Ngannou) vai se desenrolar, nunca faço previsões. Quero entrar lá e mostrar para as pessoas que eu melhorei. Com isso, acredito que (estarei) disputando o título logo em seguida", opinou Velasquez, antes de comentar a rotina durante o período fora dos octógonos.

"Durante o tempo afastado, estava na academia trabalhando coisas que não tinha tempo de aprimorar - coisas a serem aperfeiçoadas e novas armas. Contanto que eu volte com o mesmo cardio, me sinto o mesmo. Sinto que consigo colocar o mesmo esforço em cada treino, com o mesmo ritmo de antes", completou o ex-campeão.

O confronto contra Ngannou está agendado como a luta principal do UFC Phoenix. E para colocar seus planos em prática, Cain terá primeiro que superar um adversário dono de uma força bruta invejável. 'O Predador', como é conhecido, vem embalado para superar o ex-campeão, até porque em seu último compromisso, em novembro de 2018, nocauteou Curtis Blaydes em apenas 45 segundos.

Mais Esporte