Topo

MMA


Anderson Silva acusa Adesanya de desrespeitar Jon Jones e pede calma

Bruno Braz / UOL Esporte
Imagem: Bruno Braz / UOL Esporte

Fábio Oberlaender, do Rio de Janeiro (RJ)

Ag. Fight

2019-04-17T17:25:49

17/04/2019 17h25

O longo tempo como profissional de MMA e o moral que tem com o UFC permitem a Anderson Silva dizer o que muitos outros lutadores não se atrevem a falar. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (17) no Rio de Janeiro (RJ), da qual a Ag. Fight participou, 'Spider' analisou a ascensão de Israel Adesanya e a troca de farpas do nigeriano com Jon Jones, que agitou o mundo das lutas nesta semana.

De acordo com Anderson, ao afirmar que vai "caçar" 'Bones' e apontar para o americano como alvo de suas declarações afiadas, Adesanya desrespeitou o campeão dos meio-pesados (93 kg). Como se usasse o conhecido ditado 'antiguidade é posto', Silva afirmou que Israel aos poucos vai entender até que ponto pode chegar.

"O Adesanya está chegando. Apesar de ele estar com esse boom de de vitórias, ele está chegando. E você acaba chegando em um espaço que você tem que entender como funciona. E ele, na minha visão como atleta, desrespeitou o Jon Jones. Lógico que, para o negócio, para o Dana (White, presidente do Ultimate) é ótimo. Será um grande negócio para ele, independentemente de os dois lutarem ou não, ou quem ganhar e quem perder, quem está ganhando com isso é o UFC e os fãs. Mas, existe a falta de respeito. Acho que ele passou um pouco do limite, mas com o tempo ele vai aprendendo a lidar com essas coisas. Tem que respeitar tudo o que o Jon Jones fez, são dois grandes lutadores, acho que no futuro, quem sabe, os dois podem até lutar, mas sou de uma época que você tem honra, respeita cada um com seu espaço e é a minha opinião", falou.

'The Last Stylebender' e Anderson se enfrentaram em fevereiro, com vitória do nigeriano por decisão unânime na Austrália. Por conhecer o novo fenômeno dos médios (84 kg) de perto, 'Spider' afirmou que se trata de um desafiante à altura para o campeão linear Robert Whittaker.

"Acredito que o Adesanya tenha um futuro brilhante, é um grande lutador, tem que ser respeitado, mas tem que ter calma. Ter muito cuidado com escolhas, com as decisões que ele toma, porque daqui para frente ele vai começar a ter algumas surpresas que estão fora do controle dele. São dois grandes lutadores, vamos esperar para ver o que vai acontecer. É uma luta boa, que vale a pena ser assistida pelos fãs", disse.

Anderson Silva enfrenta Jared Cannonier no UFC 237, que será realizado em 11 de maio, no Rio de Janeiro. O evento será encabeçado pelo duelo entre Rose Namajunas e Jéssica 'Bate-Estaca', pelo título peso-palha (52 kg) do Ultimate.