Topo

MMA


Dana White se rende ao talento de Amanda e a compara a Anderson Silva e GSP

Presidente do UFC, Dana White em coletiva de imprensa - Chris Unger/Zuffa LLC via Getty Images
Presidente do UFC, Dana White em coletiva de imprensa Imagem: Chris Unger/Zuffa LLC via Getty Images

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

07/07/2019 07h18

Não são apenas os fãs que ficam espantados com as performances contundentes de Amanda Nunes no octógono. Campeã peso-pena (66 kg) e peso-galo (61 kg) do UFC, a 'Leoa' conquistou o coração do chefe Dana White ao impor seu domínio sob duas divisões ao mesmo tempo, feito que parece colocá-la em um patamar diferenciado.

Tanto que, durante coletiva de imprensa após o final do card do UFC 239, Dana White apenas rasgou elogios à sua atleta e a comparou com grandes nomes do esporte, como Anderson Silva e Georges St-Pierre. Por isso, inclusive, o cartola voltou afirmar que Cris 'Cyborg' recusou enfrentar Amanda.

"O que isso faz vocês lembrarem? Anderson Silva,Jon Jones, Georges St-Pierre. é onde ela está agora. Ela quer uma revanche com a 'Cyborg' e nós concordamos em dar isso a ela. Cyborg sempre acha que eu estou sendo, sei lá... Não culpo ela por não querer essa luta. Ela não quer essa luta", declarou a paranaense antes de revelar porque Amanda foi a primeira a defender os dois cinturões.

"Ela esta saudável. Vocês ficaram me perguntando antes da luta do Cejudo: 'E se esse cara tiver os dois cinturões...' Eu sempre penso que ele terá que negar um dos cinturões", afirmou.

Sem lesões, a brasileira deve defender o título dos penas ainda este ano, a depender da agenda do UFC, e da confirmação de um outro possível nome para cruzar o seu caminho. Até o momento, porém, seu futuro segue indefinido.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do que informado anteriormente na legenda da foto, Amanda Nunes conversa com Joe Rogana e não Dana White. O erro foi corrigido e a imagem foi trocada.