Topo

Esporte

Alemão Timo Glock correrá na nova escuderia Manor GP

Da EFE

Em Berlim

17/11/2009 07h16

O piloto alemão Timo Glock, de 27 anos, correrá a próxima temporada na nova escuderia britânica Manor GP, indicou hoje o empresário do piloto, Hans-Bernd Kamps. Ele foi o primeiro piloto anunciado pelo time, que integra o grupo de novas equipes para o Mundial de 2010.

 

Glock assinou um contrato por duas temporadas, com opção a prorrogar por mais um ano o acordo com a Manor. O piloto alemão corria até agora com a japonesa Toyota, que se retirou da Fórmula 1. Seu companheiro pode ser o brasileiro Lucas di Grassi, que disse já ter contato com a equipe.

 

“Eu tive várias opções para 2010, algumas com escuderias mais estabelecidas”, comentou Glock, de 27 anos. “Todo piloto tem o mesmo objetivo, que é ser campeão. Mas o jeito como quero ter sucesso é fazer parte de um time em construção, tendo um papel importante para desenvolver seu carro. Por isso estou animado com essa oportunidade na Manor.”

 

Glock estreou na categoria em 2004 e desde então disputou 37 Grandes Prêmios. Suas primeiras corridas foram pela Jordan, sendo que ele iniciou aquela temporada como piloto de testes. Apenas em 2008 ele teve uma vaga como titular.

 

A corrida  mais memorável do piloto foi o GP de Interlagos em 2008, quando acabou determinando o resultado do Mundial. Ele foi ultrapassado na última volta da corrida por Lewis Hamilton, o que deu o título ao britânico na briga contra Felipe Massa.

 

Até agora, suas melhores posições foram dois segundos postos: na Hungria, em 2008, e em Cingapura, em 2009. Após o adeus de Toyota à Fórmula 1, se especulou sua contratação pela Renault, que já conta com o polonês Robert Kubica para 2010.

 

Glock perdeu as últimas três provas da temporada, com uma lesão devido a uma batida nos treinos para o GP do Japão.

 

“Ter um piloto que não só conseguiu dois pódios em 2009, mas também provou ter muito potencial, é muito animador. Agora só temos de esperar para colocá-lo no carro e começar os testes no próximo ano”, afirmou o diretor-técnico Nick Wirth.

 

A Manor, de origem britânica, tem um bom histórico em categorias de base e é uma das quatro equipes que estão programadas para entrar na Fórmula 1. O lançamento oficial do time será ainda este ano, com a expectativa de que a Virgin seja sua principal patrocinadora.

 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte