Topo

Esporte


COI cassa medalhas olímpicas de dois atletas por doping

18/11/2009 13h07

Redação Central, 18 nov (EFE).- O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou hoje que cassou as medalhas conquistadas nos Jogos de Pequim-2008 pelo corredor Rashid Ramzi, de Barein - ouro nos 1.500 metros -, e pelo ciclista italiano Davide Rebellin, que ficou com a prata na prova de estrada.

Os resultados dos dois atletas no exame antidoping deram positivo para a substância CERA, a terceira geração do hormônio sintético EPO.

Além disso, o COI desclassificou pelo mesmo motivo outro ciclista, Stefan Schumacher, que ficou em 13º lugar na prova contra o relógio, assim como as atletas Athanasia Tsoumeleka, da Grécia, nona colocada na marcha atlética de 20 km e Vanja Perisicm, da Croácia, que participou dos 800 metros.

Já a levantadora de peso dominicana Yudelquis Maridalin Contreras, quinta colocada na categoria 53 kg, livrou-se de punição, já que a presença de CERA só foi detectada em uma das duas amostras coletadas.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte