Topo

Esporte


"Rali mais longo do mundo" terá cerca de 30 mil km por toda a América do Sul

11/07/2012 20h21

Buenos Aires, 11 jul (EFE).- O 2º Grande Prêmio de automobilismo da América do Sul, que será realizado em dez países do continente, foi apresentado nesta quarta-feira na sede do Automóvel Clube Argentino, em Buenos Aires.

O rali, que terá 29,5 mil quilômetros, será realizado entre 6 de abril e 11 de maio de 2013, e passará por Argentina, Brasil, Bolívia, Colômbia, Chile, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

A prova é a segunda a ser disputada neste modelo, já que em 1948 aconteceu com o nome de "Buenos Aires-Caracas". Dirigentes locais afirmaram que a competição terá trechos de velocidade e não-cronometrados ao longo de 22 etapas, com largada e chegada na Argentina, durante 35 dias, tornando-se "o rali mais longo do mundo".

Pilotos amadores que realizarem mudanças em seus carros e os adaptarem às medidas de segurança poderão competir, mas passarão por fiscalização do Automóvel Clube Argentino e pela Confederação Desportiva Automobilística Sul-Americana (Codasur).

Mais Esporte