Esporte

Técnico português se demite da seleção de Cabo Verde por salários atrasados

01/01/2016 17h15

Lisboa, 1 jan (EFE).- O português Rui Águas anunciou nesta sexta-feira, por meio de comunicado, que pediu demissão da função de técnico da seleção de futebol de Cabo Verde, 39ª colocada do ranking da Fifa, um ano e quatro meses após assumir, por causa do atraso de salários.

"Tudo tem limites, penso ser o mais sensato fazer isso agora, em função das dificuldades que, enquanto profissionais, fomos sistematicamente vivendo. É normal dizerem que os treinadores vivem de resultados, mas a verdade é que as suas famílias não vivem deles", disse o ex-atacante de Benfica e Porto.

De acordo com a imprensa portuguesa, Águas ficou oito meses sem receber salários no país africano. No texto, o técnico dá a entender que a decisão de deixar a função já havia sido tomada há algum tempo.

"Procurei que esta saída acontecesse no período competitivo menos complicado possível, com maior intervalo de tempo entre jogos, permitindo assim a necessária reestruturação da equipa técnica nacional", explicou o português.

Sob o comando de Águas, Cabo Verde foi terceiro colocado no grupo B da Copa das Nações Africanas de 2015, com três empates em três jogos, ficando atrás de Tunísia e República Democrática do Congo.

Nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, os Tubarões Azuis passaram pelo Quênia na segunda fase, após perder por 1 a 0 e vencer na volta por 2 a 0, e se garantiram na etapa em que serão definidos os cinco classificados do continente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo