Esporte

Real Madrid demite Benítez e escolhe Zidane como novo técnico

04/01/2016 18h10

Madri, 4 jan (EFE).- O técnico Rafael Benítez não resistiu à pressão de torcedores e imprensa e foi demitido nesta segunda-feira do Real Madrid, que terá a partir de agora Zinedine Zidane como treinador, conforme anunciou o presidente do clube espanhol, Florentino Pérez.

Benítez foi contratado em junho do ano passado para substituir Carlo Ancelotti e dirigiu o Real em 25 partidas, 18 pelo Campeonato Espanhol, seis pela Liga dos Campeões e uma pela Copa do Rei, competição da qual o time foi eliminado devido à escalação irregular do meia Denis Cheryshev.

"Tomamos uma difícil decisão, a de romper o contrato de Rafael Benítez da equipe principal. Estamos diante de um profissional magnífico e uma grande pessoa. Quero agradecer-lhe o trabalho nestes meses. A diretoria decidiu nomear Zidane como treinador", disse Pérez em pronunciamento à imprensa, que não pôde fazer perguntas.

"(Zidane) É uma das maiores figuras da história do futebol, sabe o que é estar à frente do elenco do Real Madrid e sabe o quão duro é estar neste banco. Sabe o que é estar com estes jogadores, os dirigiu como auxiliar técnico na campanha da 'Décima'", acrescentou o dirigente.

Jogador da equipe madrilenha em 2001 e 2006, ano em que pendurou a chuteira, 'Zizou' voltou ao Real em 2013 como assistente técnico de Carlo Ancelotti, participando da campanha da conquista do décimo título da Liga dos Campeões. Em 2014, deixou a comissão técnica do time principal para treinar o Real Madrid Castilla, atualmente na terceira divisão.

O Castilla vem fazendo campanha segura e ocupa o segundo lugar do grupo 2 da chamada Segunda Divisão B, com 37 pontos em 19 jogos. Até agora, foram dez vitórias, sete empates e apenas duas derrotas.

O francês, que será o 11º treinador do Real com Florentino Pérez como presidente, não disfarçou a emoção e a felicidade de assumir o cargo. Ele também fez um pronunciamento rápido, sem espaço para perguntas de jornalistas.

"Quero agradecer ao clube por me ter dado a oportunidade de treinar esta equipe. Temos o melhor clube do mundo, a melhor torcida do mundo. Temos de tentar fazer o melhor possível para que esta equipe vença até o fim deste ano. Vou fazer o melhor possível com todos os jogadores, e acredito que tudo vai dar certo. O importante é estar amanhã com a equipe e trabalhar", declarou.

Zidane comandará seu primeiro treino nesta terça-feira, às 11h (local, 8h de Brasília). A primeira coletiva no novo cargo acontecerá em seguida, às 13h30 (10h30 de Brasília).

"É um grande dia para mim. Sinto um pouco de emoção, mais que quando assinei como jogador. Mas é normal. A partir de amanhã, será outra coisa. Vou dar tudo de mim para este clube e tentar me sair bem. Muito obrigado", despediu-se.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo