Esporte

Infantino agradece apoio da Uefa nas eleições presidenciais da Fifa

22/01/2016 17h08

Redação Central, 22 jan (EFE).- O suíço Gianni Infantino, secretário-geral da Uefa, agradeceu nesta sexta-feira ao unânime apoio recebido das federações filiadas à entidade continental para as eleições presidenciais da Fifa, confirmado em reunião do Comitê Executivo, realizada em Nyon, na Suíça.

"Estou muito honrado, com muito mais responsabilidade por este grande respaldo e muito confiante também. Agradeço muito o apoio das 54 associações da Uefa e as que recebi fora dela. Falta um mês e o trabalho continua, mas agora em uma posição mais forte", garantiu o candidato.

Infantino garantiu que respeita os concorrentes na corrida presidencial da Fifa e a campanha que cada um faz, mas destacou que se concentra totalmente na apresentação das propostas, o que vem trazendo uma "resposta muito positiva".

No pleito, também estão concorrendo o francês Jérome Champagne, o sul-africano Tokyo Sexwale, o xeque bahrenita Salman bin Ebrahim al-Khalifa e o príncipe jordaniano Ali bin al-Hussein, e apesar do apoio em bloco da entidade continental, o suíço admite que ainda precisam ser conquistados mais votos.

"O que vimos hoje é um futebol europeu muito unido, mas a Uefa não é um único voto", avaliou o secretário-geral da confederação do Velho Continente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo