Esporte

Por racismo, torcedores são proibidos de assistir jogos do ADO Den Haag

22/01/2016 15h02

Redação Central, 22 jan (EFE).- O ADO Den Haag, que disputa a primeira divisão do Campeonato Holandês, proibiu nesta sexta-feira 22 torcedores de acompanhar jogos em casa ou fora, por manifestações racistas em derrota para o Ajax por 1 a 0, no último domingo.

Em comunicado, o clube de Haia comunicou que os punidos teriam que pagar do próprio bolso qualquer multa que a Federação de Futebol Holandesa impuser por causa dos incidentes na partida disputada no Kyocera Stadium.

Durante o jogo de domingo, os torcedores imitavam macaco cada vez que o meia Riechedly Bazoer, do Ajax, pegava na bola. A própria administração do estádio chegou a pedir três vezes, pelo sistema de som, que as manifestações fossem interrompidas.

De acordo com a direção do ADO Den Haag, a rápida identificação dos torcedores aconteceu graças ao sistema de vigilância por vídeo que foi implantado no local de jogos do clube.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo