Esporte

Barcelona vence Málaga no sufoco e assume ponta provisória do Espanhol

23/01/2016 20h58

Redação Central, 23 jan (EFE).- Sem Neymar em campo, mas com o argentino Lionel Messi decidindo, o Barcelona sofreu, mas venceu neste sábado o Málaga por 2 a 1, fora de casa, assumindo provisoriamente a liderança do Campeonato Espanhol, ultrapassando o Atlético de Madrid, que joga amanhã.

Com o atacante brasileiro lesionado, o espanhol Munir foi escalado entre os titulares, e logo no primeiro minuto da etapa inicial mostrou serviço e marcou, completando grande jogada individual do uruguaio Luis Suárez.

A partir daí, os anfitriões iniciaram forte pressão, até chegar ao empate aos 32 do primeiro tempo. O meia venezuelano Juanpi empatou o jogo, completando lance iniciado pelo centroavante brasileiro Charles.

Até então apagado na partida, aparecendo apenas em uma chance clara desperdiçada na etapa inicial, Messi fez belo gol aos 7 do segundo tempo e conseguiu derrubar o Málaga, que vem vendo caro as derrotas para os grandes do Espanhol.

Para o jogo de hoje, Luis Enrique aproveitou para colocar em campo como titulares o lateral-direito Aleix Vidal e o meia Arda Turan, que foram inscritos neste mês pelo clube na competição. Daniel Alves ficou na reserva. Já Adriano começou jogando e foi substituído nos minutos finais.

Neymar desfalcou o time catalão por causa de dores no músculo anterior da coxa esquerda. Inicialmente, o Barça divulgou que não existe lesão, mas que as condições do camisa 11 deverão ser analisadas para garantir presença nos próximos jogos.

Com a vitória, o Barça chegou aos 48 pontos, um a frente do Atlético, que amanhã receberá o Sevilla. Os dois times, no entanto, neste momento têm o mesmo números de jogos, já que o campeão mundial ainda precisa encarar o Sporting de Gijón, em compromisso atrasado da 16ª rodada.

O Málaga, por sua vez, está na 12ª colocação, com 24 pontos, nove atrás da zona de classificação para a Liga Europa e sete distante do grupo de três equipes que cairão para a segunda divisão no fim da temporada.

Ainda neste sábado, na Catalunha, o Villarreal conseguiu evitar derrota, ao empatar com o Espanyol em 2 a 2, mas acabou desperdiçando a chance de encostar no Real Madrid, que amanhã visitará o Betis.

O atacante equatoriano Felipe Caicedo e o meia espanhol Gerard Moreno - que ainda foi expulso no fim do jogo - marcaram para os donos da casa. O meia espanhol Manuel Trigueros e o zagueiro argentino Mateo Musacchio, esse último aos 43 do segundo tempo, anotaram para o Submarino Amarelo.

O time do atacante Léo Baptistão, com o resultado, chegou aos 41 pontos, ficando dois atrás do Real. O Espanyol, por sua vez, é 13º, com 22 pontos.

O Celta de Vigo, que poderia se aproximar do Villarreal, acabou sendo atropelado fora de casa pelo Rayo Vallecano por 3 a 0. A equipe da Galícia, dessa forma, ficou estacionado nos 34 pontos. O "primo pobre" de Madri, por sua vez, saiu da zona de rebaixamento.

Outro que deixou o grupo dos três últimos colocados foi o Granada, que superou em casa o Getafe por 3 a 2. Com isso, Las Palmas e Sporting de Gijón passam a fazer companhia ao Levante no fundo da tabela do Espanhol.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo